Uma Mulher no Escuro



Baixar 1.39 Mb.
Pdf preview
Página9/37
Encontro10.07.2022
Tamanho1.39 Mb.
#24203
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   37
Uma Mulher no Escuro - Raphael Montes (2)
EXAME 013052022, A Cinco Passos de Voce - Rachael Lippincott, WORKSHOP TER 25JAN protected
confiado nas pessoas erradas… Quando se sentiu um pouco melhor, tirou o
canivete suíço do bolso e guardou na mochila, junto com o caderno. Depois,
seguiu até o carro.
O dr. Max a encarou, ansioso.
“Como foi?”
“Ele não sabia de nada.”
O psiquiatra piscou algumas vezes, decepcionado.
“Nada?”
“É.”
Enquanto não lesse o caderno, Victoria preferia não o mencionar a ninguém.
Afundou-se no banco, abraçada à mochila, ansiosa para chegar em casa.
8.
DIÁRIO DE SANTIAGO
1o de março de 1993, segunda
Odeio a escola nova. Odeio a casa nova. Odeio esse lugar horrível em que a
gente veio morar. No prédio, eu podia brincar com o Lucas, o Tássio e o
Henrique. Sei lá quando vou ver eles agora. Minha escola era menor e mais
legal. Essa nova é um prédio marrom enorme. Tem umas crianças chatas do
jardim que gritam e correm o tempo todo e um pessoal mais velho que fica
falando palavrão e olhando torto pra gente. Pelo menos é legal ver as meninas
mais velhas, com peitão e bundão. Tem várias muito gostosas. As meninas da
minha turma são chatas, e os meninos também. Só a Rayane Motta é legal. Ela
põe a língua entre os dentes de um jeito perfeito pra falar o sobrenome dela. E
tem olhos verdes e um cabelão que chega na cintura. Mas nem olha pra mim.
Hoje meu pai veio contar todo animado que a d. Teresinha disse que pode me
buscar na escola quando ele tiver que ficar no trabalho até tarde. Só falei que
posso ir e voltar sozinho. Ele acabou deixando, porque fica perto e eu prometi


posso ir e voltar sozinho. Ele acabou deixando, porque fica perto e eu prometi
olhar pros dois lados antes de atravessar a rua. O Igor e o Gabriel iam me
sacanear quando me vissem com a d. Teresinha.
Igor e Gabriel são os dois garotos mais insuportáveis da minha turma. Sentam lá
atrás e passam a aula toda falando. A professora de matemática até deu bronca
neles. Ficaram morrendo de medo, porque a Sandra é brava de verdade e
ameaçou ligar pros pais. Ela é mulher do diretor, então pode até expulsar eles se
quiser. Depois do recreio, na aula de geografia, eles colocaram uma tachinha do
mural na cadeira e riram muito quando o Lauro sentou. Na saída, vi o Igor
tirando um spray da mochila e pichando o muro de uma casa azul pertinho da
escola. Não sei quem mora lá. Quando passei, ele parou e olhou, mas virei o
rosto na hora e andei depressa até em casa. Acho que ele nem ligou. Às vezes,
não é tão ruim assim ser invisível.
[…]
5 de maio de 1993, quarta
Hoje a tia Ecleia, professora de artes, chegou na sala cheia de material
dizendo que o dia das mães estava chegando e que a gente ia fazer um porta-
joias de madeira. Ela pediu pra todo mundo trazer uma foto com a mãe para
colar na tampa. Eu falei que não tenho mais mãe, aí a tia Ecleia ficou vermelha e
disse para eu fazer pro meu pai então.
Quando ela saiu da sala pra buscar mais cola, o Igor deu um cuecão no Lauro,
tão forte que ele ficou sem ar e teve que segurar o choro. Deve ter doído muito.
A Rayane ficou assustada. Minha vontade foi de abraçar ela e dizer que ia ficar
tudo bem. Mas não fiz isso. Depois o Igor começou a jogar papel em mim. Ele e
o Gabriel ficaram me chamando de “filho de chocadeira”. O Igor acha que só
porque é mais alto e já tem pelo no sovaco pode fazer o que quiser, e o Gabriel
obedece. Foi me dando muita raiva, aí levantei e dei um soco no puxa-saco.
Todo mundo ficou me olhando, e a Rayane sorriu pra mim.
A professora me mandou pra sala do diretor, que parece uma múmia, e não deu
em nada. Só levei uma anotação pra casa. Não paro de pensar no Igor e no
Gabriel me chamando de filho de chocadeira. Minha vontade é de matar os dois.
[…]


[…]

Baixar 1.39 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   37




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal