Um legado de liberdade assim como eu não seria escravo, tampouco seria



Baixar 0.54 Mb.
Pdf preview
Página7/46
Encontro17.03.2020
Tamanho0.54 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   ...   46
Louca paixão por Lincoln

Perplexo com toda essa esfoliação de 

Lincolns, você pode estar tentado a 

responder à pergunta do título — o 

que Abraham Lincoln significa para 

os americanos hoje? — com uma 

outra pergunta fácil: o que Lincoln 

não significa para os americanos 

hoje? Parece que ele significa todas 

as coisas de uma vez, o que poderia 

levar um cético a concluir que ele 

deixou de ter um significado especial. 

Mas isso seria por demais superficial. 

Pois há algo de peculiarmente 

americano em todo esse excesso e 

essa exuberância de nossa paixão por 

Lincoln. Entender essa paixão, quero 

crer, pode ser um meio não apenas de 

compreender Lincoln como também 

de entender o próprio país.

A paixão é inegável, bem como 

surpreendente, para um país 

supostamente indiferente à sua 

Duas imagens indelevelmente 

ligadas ao 16o presidente: sua 

cartola e uma nota de cinco 

dólares com o seu retrato

Abraham Lincoln atuou 

no Senado do estado 

de Illinois, cuja câmara 

original, não mais em uso, 

é mostrada aqui com uma 

capa e uma cartola no estilo 

Lincoln



10

 

 

ABRAHAM LINCOLN: UM LEGADO DE LIBERDADE



própria história. Nenhum outro 

americano foi tão cercado de pessoas 

à cata de curiosidades, tão mimado 

e tocado e acariciado; realmente — 

mais uma vez com a possível exceção 

de Napoleão — nenhum outro ser 

humano da história moderna teve 

um destino tão implausivelmente 

extravagante.

No entanto, nem mesmo 

Napoleão inspirou um grupo de 

homens a ganhar a vida fingindo 

ser ele, como ocorreu com Lincoln. 

Em alguns aspectos, a Associação 

dos Personificadores de Lincoln 

(conhecida como ALP na sigla em 

inglês) é meramente uma associação 

de classe como outra qualquer — a 

Teamsters, por exemplo, a Associação 

Nacional de Fabricantes ou a 

Petsitters International. Assim como 

elas, a ALP realiza uma convenção 

anual em que seus membros se 

reúnem para socializar, trocar dicas 

profissionais e ouvir conselhos de 

especialistas sobre como melhorar 

os negócios. Ao contrário de outras 

convenções de profissionais de classe, 

no entanto, todo membro da ALP 

veste um fraque preto com uma 

cartola e exibe uma barba negra, 

real ou postiça. Após a convenção, 

eles voltam para casa e, revigorados, 

começam novamente o trabalho de 

ida a escolas, conversas em clubes 

Kiwanis, apresentações no movimento 

Chautauqua, demonstrações em 

feiras de condados — o trabalho de 

evangelizar um país que, segundo 

acreditam, precisa mais de Lincoln 

que de qualquer outra coisa. Perguntei 

ao seu presidente e fundador por que 

eles fazem isso, por que se preocupam. 

“Lincoln”, respondeu ele, “nos lembra 

do que precisamos saber, mas 

podemos ter esquecido”.

É difícil descrever o efeito de 

ver mais de cem homens vestidos 

de Abraham Lincoln reunidos em 

um salão de hotel, ouvindo um 

especialista em Relações Públicas 

discursar sobre “Como fazer a mídia 

local trabalhar para você”, mas 

acostumei-me a tais excentricidades 

enquanto pesquisava sobre Lincoln.

Há talvez 15 mil americanos 

colecionadores da memorabilia de 

Lincoln, embora nos últimos anos o 

preço de seus documentos e outros 

artefatos de primeira mão — que 

um colecionador chamou de “coisas 

realmente boas” — tenha atingido 

uma estratosfera acessível somente 

aos connoisseurs mais ricos.

Mas os colecionadores menos 

abastados jamais são dissuadidos. 

Com engenhosidade típica, eles 

rebaixaram os padrões de qualidade 

Localizada em Springfield, Illinois, a 

Biblioteca Presidencial Abraham Lincoln 

disponibiliza para o público registros e 

materiais sobre o 16

° presidente



ABRAHAM LINCOLN

: UM LEGADO DE LIBERDADE

 

 

11



para cobrir produtos que podem obter 

um preço mais razoável: as “coisas 

boas” agora incluem, por exemplo, 

capas de pastas da antiga Lincoln Life 

Insurance Company, que são vendidas 

a menos de US$ 10. O site de leilões 

eBay provou que qualquer coisa 

associada a Lincoln pode encontrar 

um comprador. Documentos que 

passaram por suas mãos hoje valem 

dezenas de milhares de dólares, de 

modo que os admiradores não tão 

ricos começaram a comercializar 

documentos forjados, particularmente 

aqueles de falsificadores célebres como 

Joseph Cosey, artista que prosperou 

na década de 1930. Uma “carta de 

Lincoln” forjada por Cosey pode ser 

vendida a US$ 2.500. “Mas você 

precisa ter certeza de que é uma 

falsificação verdadeira, um autêntico 

Cosey”, disse-me um colecionador. 

“O mercado está tão aquecido que 

estamos vendo uma profusão de 

falsificações.”




Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   ...   46


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal