Territorio e Sociedade3 pnld18 pr pontualOK. pdf


  FRONTEIRA DA UNIÃO EUROPEIA



Baixar 59.14 Mb.
Pdf preview
Página265/520
Encontro29.09.2021
Tamanho59.14 Mb.
1   ...   261   262   263   264   265   266   267   268   ...   520
3
  FRONTEIRA DA UNIÃO EUROPEIA
As 
migra•›es pol’ticas durante a Guerra Fria foram 
causadas pela insatisfação com os regimes políticos 
no Leste Europeu, na Espanha e em Portugal, sendo 
um fenômeno comum na Europa na segunda metade 
do século XX. 
na Espanha, após o fim da guerra civil, que ocorreu 
entre 1936 e 1939, o general Francisco Franco (1892-
-1975) governou ditatorialmente o país entre 1939 e 
1975. Em Portugal, o regime ditatorial se estendeu de 
1926 a 1974, e António Salazar (1889-1970) governou 
o país na maior parte desse período.
no fim dos anos 1980 e durante a década de 
1990, a desestruturação do sistema socialista e a 
crise econômica gerada nos países do Leste Euro-
peu e na então União Soviética impulsionaram as 
migrações econômicas, levando milhares de pessoas 
a se mudarem para os países da Europa Ocidental, 
em busca de melhores oportunidades de emprego e 
condições de vida. da mesma forma, a crise gerada 
pelo esfacelamento da Iugoslávia e as perseguições 
étnicas que dela resultaram ampliaram o fluxo de imi-
grantes para os países da União Europeia, sobretudo 
para a Alemanha.
Os países situados no norte da África, espe-
cialmente na região do Magreb (Marrocos, Argé-
lia, Tunísia), constituem outro importante foco de 
movimentos migratórios em direção aos países da 
Europa Ocidental. Marroquinos, argelinos e tunisia-
nos tradicionalmente se deslocam para o continente 
europeu, apesar das restrições feitas hoje aos imi-
grantes. Atualmente, a França abriga a maior parte 
daqueles que saíram do Magreb.
O Reino Unido, por sua vez, passou a receber, na 
segunda metade do século XX, habitantes de países que 
formavam seu antigo império colonial. Assim, indianos 
e paquistaneses são atualmente os grupos mais repre-
sentativos no conjunto de seus imigrantes.
A combinação de taxa de natalidade reduzida nos 
países da Europa e intensificação do movimento imi-
gratório desde a segunda metade do século XX levará 
a alterações no perfil demográfico do continente, sendo 
que, em alguns países, os imigrantes e seus descenden-
tes formarão um contingente expressivo da população 
e, em outros, comporão a maior parte da população. 
veja os gráficos (figura 13).
desde a segunda metade da década de 1990, a União Europeia vem tomando 
medidas drásticas para o fechamento de suas fronteiras aos imigrantes. Entre 
seus integrantes, a França e a Alemanha, que historicamente eram mais 
abertas à imigração, passaram a adotar políticas mais rígidas em relação aos 
estrangeiros.
Figura 13. estimativas da participação de imigrantes no 
total da população de países europeus – 2061*


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   261   262   263   264   265   266   267   268   ...   520


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal