Territorio e Sociedade3 pnld18 pr pontualOK. pdf


Página179/519
Encontro29.09.2021
Tamanho
1   ...   175   176   177   178   179   180   181   182   ...   519

 A estimativa da população brasileira de 226 milhões, em 2050, é baseada na análise da tendência do crescimento 
demográfico verificada no país nas últimas décadas. Utilize os dados dos gráficos para explicar essa tendência.  
GRÁFICOS: BIS
MARCOS ANDRÉ / OPÇÃO BRASIL IMAGENS
131
Capítulo 6  –  Crescimento populacional: tendências e dilemas 
TS_V3_U3_CAP06_130_156.indd   131
23/05/16   19:05


1
  POPULAÇÃO MUNDIAL
O mundo atingiu 7,3 bilhões de pessoas em 2015, sendo que 1,2 bilhão foi acres-
centado apenas nos primeiros 15 anos deste século. De acordo com a ONU, mesmo 
com a queda das taxas de crescimento no mundo, o aumento populacional ainda 
é expressivo, pois nascem a cada ano aproximadamente 80 milhões de pessoas.  
A maior parte desse novo contingente humano vai habitar os países em desenvolvi-
mento na Ásia, na África e na América Latina, com os maiores índices de crescimento 
demográfico do mundo e as situações socioeconômicas mais precárias.  
Nos países desenvolvidos e emergentes, a situação é inversa, pois o baixo cresci-
mento poderá produzir escassez de mão de obra futura e problemas no sistema de 
previdência social, em função do envelhecimento da população. 
DEMOGRAFIA: ENTENDENDO OS TERMOS
Em algum momento você pode ter visto em noticiários assuntos relacionados à 
queda das taxas de natalidade e mortalidade de um país e quanto isso influencia, 
a longo prazo, em questões políticas, econômicas e sociais dos países. O estudo do 
crescimento da população humana depende da análise de importantes variáveis: a 
natalidade, a mortalidade e outros indicadores utilizados pela demografia. 
•  Taxa de natalidade: número de nascidos vivos (excluídos os natimortos) em 
um ano, calculado a cada mil habitantes. É a relação entre os nascimentos 
anuais e a população total, expressa por mil habitantes. No exemplo abaixo, 
em um ano, para cada grupo de 1.000 habitantes, nasceram 14 crianças.
  Acompanhe o exemplo:
  população total do país: 55.173. 000 habitantes
  nascimentos anuais: 775.000
 
taxa de natalidade: 
 = 14‰ (14 nascimentos a cada mil habitantes)
•  Taxa de mortalidade: número de 
óbitos em um ano a cada mil. É 
calculada a partir da relação entre 
óbitos anuais e a população total, 
expressa por mil habitantes. 
  Acompanhe o exemplo:
 
população total do país: 55.173. 000 
habitantes
  óbitos anuais: 335.000
  taxa de mortalidade:  = 6‰ (6 óbi-
tos a cada mil habitantes)
É importante observar que as taxas 
de natalidade e de mortalidade também 
são expressas em porcentagem. Assim, 
baseando-se nos dados dos exemplos 
anteriores: taxa de natalidade = 1,4%; 
taxa de mortalidade = 0,6%.
•  Taxa de mortalidade infantil: 
número de óbitos de crianças com 
menos de um ano de vida, a cada 
mil nascidas vivas (excluindo os 
natimortos), considerando-se o 
período de um ano.
Demográfico 
Refere-se à demografia, área 
do conhecimento que estuda 
a dinâmica populacional nos 
seus mais variados aspectos: 
crescimento, distribuição por 
faixas etárias e pelos setores da 
economia, preconceito racial, 
migrações, distribuição territorial. 
Natimorto 
Criança que nasceu morta ou 
teve óbito no instante seguinte 
ao nascimento.
Mundo: países com maiores  
taxas de mortalidade infantil  
(a cada mil nascimentos) – 2015*
Mundo: países com menores  
taxas de mortalidade infantil  
(a cada mil nascimentos) – 2015*
República  
Centro-Africana
109
Hong Kong
1,6
República Democrática  
do Congo
108
Islândia
1,7
Chade
95
Cingapura
1,8
Angola
95
Japão
2,1
Serra Leoa
92
Eslovênia
2,1
Guiné Bissau 
92
Suécia
2,2
Moçambique
83
San Marino
2,2
Somália
79
Finlândia
2,2
Sudão do Sul
77
Noruega
2,4
Zâmbia
75
República Tcheca
2,4
*Estimativa
Fonte: PRB. 2015 World Population Data Sheet. p. 11-15.  
Disponível em: 
. Acesso em: fev. 2016. 
Neste momento, em que as taxas de mortalidade, natalidade e mortalidade 
infantil estão sendo conceituadas, é interessante explorar dados compara-
tivos entre países com elevadas taxas de mortalidade infantil e países com 
taxas baixas, para que os estudantes percebam, por meio desse indicador, 
as discrepâncias socioeconômica e regional existentes no mundo.
 
132
Unidade 3  |  Espaço, sociedade e economia 
TS_V3_U3_CAP06_130_156.indd   132
23/05/16   19:05


•  Crescimento vegetativo: também denominado taxa 
de crescimento natural, corresponde à diferença 
entre a taxa de natalidade e a taxa de mortalidade. 
  Conforme os exemplos anteriores, temos:
  taxa de natalidade: 14‰
  taxa de mortalidade: 6‰
  crescimento vegetativo: 0,8% ou 8‰
•  Crescimento demográfico: também chamado cres-
cimento populacional, considera o crescimento 
natural ou vegetativo mais a migração líquida, cal-
culada pela diferença entre a entrada de pessoas 
em um território e a saída delas desse território.
•  Taxa de fecundidade: número médio de filhos por 
mulher, entre 15 e 49 anos, período considerado 
de procriação.
•  População absoluta: total de habitantes de um 
lugar (cidade, estado, país ou mesmo o mundo). 
Um país com população absoluta elevada é con-
siderado muito populoso; quando a população 
absoluta é pequena é considerado pouco populoso.
•  População relativa: também chamada densidade demográfica, é a relação 
entre o total de habitantes (população absoluta) e a área territorial que ocupam. 
É expressa em habitantes por quilômetro quadrado (hab./km
2
). Veja a fórmula:
Densidade demográfica = 
população absoluta (hab.)
área (km
2
)
 
Um país ou região com elevada densidade demográfica é considerado bastante 
povoado
1
. Quando ocorre o contrário, ou seja, baixa densidade demográfica, 
o país ou região é considerado pouco povoado. Observe as figuras 1, abaixo, 
e 2, na página seguinte.
Figura 1. Mundo: densidade demográfica – 2013
OCEANO
OCEANO
OCEANO
ÍNDICO
OCEANO
ATLÂNTICO
PACÍFICO
OCEANO
PACÍFICO
GLACIAL
ÁRTICO
OCEANO
GLACIAL
ANTÁRTICO


EQUADOR
MERIDIANO DE
TRÓPICO DE CAPRICÓRNIO 
TRÓPICO DE CÂN
CER 
CÍRCULO POLAR 
ANTÁRTICO 
GREENWICH
CÍRCULO POLAR ÁRTICO 


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   175   176   177   178   179   180   181   182   ...   519


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal