Sobre o estado1 Pierre Bourdieu



Baixar 31.5 Kb.
Encontro15.06.2022
Tamanho31.5 Kb.
#23850
BOURDIEU

SOBRE O ESTADO1
Pierre Bourdieu2
Este livro inaugura a publicação dos cursos e seminários do sociólogo francês Pierre Bourdieu, um dos intelectuais mais influentes da segunda metade do século XX.
O Bourdieu que aparece aqui é mais concreto e didático do que o do restante de sua obra. Ele apresenta um argumento em processo de construção: seu objetivo é desfazer as ilusões sobre o “pensamento de Estado”, conceito calcado na falácia de que o governo é orientado ao bem comum. Todo aparato burocrático, no entender do autor, destina-se à manutenção de uma determinada ordem social.
Sobre o Estado reúne cursos proferidos por Bourdieu no Collège de France entre 1989 e 1992. O foco da análise é transição do Estado moderno, que vai se desenhando ao longo dos séculos a partir da separação entre o poder político e religioso e da diferenciação entre os poderes. A França e a Inglaterra do século XVII, por exemplo, já exibiam a feição característica do Estado moderno: um corpo político desvinculado da pessoa do príncipe, da nobreza feudal e da Igreja.
O leitor leigo em sociologia ou na obra do autor poderá acompanhar os principais temas e conceitos do itinerário intelectual de Bourdieu – campo, capital, habitus, estratégias -, recuperados em meio à formação desse espaço político. Como de costume, o autor percorre o rumo da indagação empírica, não o da abstração conceitual, o que dá consistência à dimensão pedagógica deste livro.
O questionamento sobre a instalação de uma simples comissão parlamentar, ou mesmo sobre a peruca e as vestimentas solenes, exemplifica o tipo de atenção ao detalhe que em Bourdieu se revela chave decisiva para a compreensão de diversos fenômenos sociais.
O foco no Estado permite ver uma síntese do pensamento de Bourdieu. O autor sustenta a tese da constituição progressiva de campos – jurídico, administrativo, intelectual, parlamentar -, cada um como espaço de lutas específicas, uns competindo com os outros.
O Estado torna-se então a “ficção coletiva” que unifica todas as lutas de interesse, todos os campos de poder que compõem o cerne das preocupações do intelectual francês.

1 BOURDIEU, Pierre. Sobre o Estado: Curso no College de France (1989-92). Trad. Rosa Freire d'Aguiar - 1ª ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2014.

2 Pierre Bourdieu nasceu na região do Béarn, na França, em 1930. A partir de 1964, desenvolveu uma brilhante carreira universitária em Paris. Foi diretor da revista Actes de laRechercheenSciencesSociales e professor do Collège de France. Morreu em janeiro de 2002. De sua autoria, foram traduzidos para o português As regras da arte e Esboço de autoanálise, ambos publicados pela Companhia das Letras, além de A Economia das trocas simbólicas e O poder simbólico, entre outros títulos.



Baixar 31.5 Kb.

Compartilhe com seus amigos:




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal