São Carlos 2010 o autor do Texto Martin Bechthold



Baixar 0.63 Mb.
Página1/12
Encontro08.10.2019
Tamanho0.63 Mb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   12

Escola de Engenharia de São Carlos

Departamento de Arquitetura e Urbanismo

Universidade de São Paulo

Fichamento

Surface Structures: Digital Design And Fabrication

Eduardo Lourenço Costa

São Carlos

2010

O autor do Texto

Martin Bechthold

Martin Bechthold é professor de Arquitetura associado ao Harvard University Graduate School of Design, ensinando cursos em estruturas, tecnologias de construção e manufatura auxiliada por computador (CAM). Bechtold recebeu um “Diplom-Ingenieur” em Arquitetura do Rheinisch-Westfälische Technische Hochschule em Aachen, Alemanha e um diploma de doutor em Design da Harvard University. É um arquiteto registrado na Alemanha e já exerceu sua profissão em Londres, Paris e Hamburgo. Durante este período foi associado com firmas como Skidmore, Owings & Merril, Santiago Calatrava e von Gerkan, Marg & Partner.

As pesquisas de Bechthold tratam de Desenho Auxiliado por Computador (CAD) e aplicações de Manufatura em arquitetura, com um foco particular em estruturas de superfície. Por seu trabalho em um novo processo de desenho e manufatura de cascos teto de madeira ele recebeu diversos prêmios, entre eles o prêmio Tsuboi pela Associação Internacional de Cascos e Estruturas Espaciais.

O artigo de Bechthold menciona dois engenheiros cujos estudos foram considerados fundamentais à evolução das tecnologias de construção de cascos: Heinz Isler e Pier Luigi Nervi.



Heinz Isler

Heinz Isler (1926-2009) gradou na Eidgenössische Technische Hochschule (Federal Institute of Technology) em 1950 com um diploma em Engenharia Civil.

As maiores contribuições de Isler à história da arte estrutural foram na área de construções de cascos de concreto. Depois de experimentar com fôrmas pneumáticas para criar formas de cascos, ele descobriu o que veio a acreditar ser o melhor método para criação destas formas: a membrana suspensa invertida. Sua inspiração veio de um canteiro de obras em 1955. Ele observou aniagem molhada envolvendo uma malha de aço de tal modo que, sobre uma fenda quadrada na malha o pano se pendurou em forma de domo com o próprio peso. Desta observação concluiu que o pano se carregava sob pura tensão, e quando invertida poderia ser a forma de um casco de concreto sob pura compressão. Essa última informação foi crítica, visto que enquanto o concreto não funciona bem tensionado, é altamente eficiente para compressão.

Desta conclusão surgiram obras primas como o Grötzingen Outdoor Theater e o Heimberg Indoor Tennis Center. Primeiramente, ele encontrava a forma através de maquetes, e depois testava as formas através de outras maquetes. Finalmente, teria as estruturas construídas de acordo com um procedimento de construção cuidadosamente planejado. A utilização de placas de fibra como fôrma para os cascos concluídos potencializava o conforto térmico.




Catálogo: pesquisas


Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   12


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal