Slide sem título



Baixar 15.78 Kb.
Página9/9
Encontro17.03.2020
Tamanho15.78 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9
Tiradentes esquartejado

Pedro Américo

Heitor

ASPECTOS HISTÓRICOS E CULTURAIS

Morte de Aquiles

Gavin Hamilton (1723-1798)

Crucificação de São Pedro

Caravaggio (1571-1610)

MODERNIDADE E PÓS-MODERNIDADE

ESVAZIAMENTO DAS FIGURAS

HERÓI - negação da morte, BBB

“Antes um covarde vivo...”

MÁRTIR - ausência de utopias

MORTE

EVENTO PÚBLICO

Morte “domada”

Ars moriendi

EVENTO PRIVADO

Hospitalização

Morte “selvagem”

“Morte interdita”

ASPECTOS HISTÓRICOS E CULTURAIS

Ariès P. História da morte no ocidente. Saraiva, 2012.

São Francisco de Assis (1181-1226)

Abraham Lincoln (1808-1865)

Cristóvão Colombo (1451-1506)

São Domingos (1170-1221)

“Nunca foi fácil morrer, mas também nunca foi tão difícil...”

agosto 1994

setembro 2002

novembro 2005

março 2001

setembro 2012

junho 2012

Mais que ortotanásia, o que significa a CALOTANÁSIA nos dia de hoje?

- controle da dor e desconforto

- respeito à autonomia

- desapego, decatexia

- integração familiar e social

- reconciliação (lat. re + conciliare - estar junto, concórdia)

- paz (lat. pax, pangere - acordo, pacto)

- amor (solidariedade - lat. solidus - sólido, união indissociável

dos constituintes do mesmo organismo ou sistema)

- resgate da coragem, idealismo, altruísmo, nobreza...

- sentido de vida (espiritualidade)

- doação e transplante de órgãos

ASPECTOS CULTURAIS DO MORRER

ortotanásia, cuidados paliativos

aceitação

(rituais)

sentido na morte

ASPECTOS CULTURAIS DO MORRER

ASPECTOS CULTURAIS DO MORRER

Morte de Sócrates - Jacques-Louis David - 1787

A morte do coveiro – Carlos Schwabe (1877-1926)

“Chegaram ao lugar chamado Calvário, e ali o crucificaram como também os ladrões, um à direita e outro à esquerda... Um dos criminosos que ali estavam dependurados lançava-lhe insultos: “Você não é o Cristo? Salve-se a si mesmo e a nós!” Mas o outro o repreendeu: “Você não teme a Deus, nem estando sob a mesma sentença? Nós estamos sendo punidos com justiça, porque estamos recebendo o que os nossos atos merecem. Mas este homem não cometeu nenhum mal”. Então ele disse: “Jesus, lembra-te de mim quando entrares no teu Reino”. Jesus lhe respondeu: “Eu lhe garanto: Hoje você estará comigo no paraíso”.

Lucas 23, 33.39-43


Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal