Se liga na língua: literatura, produção de texto, linguagem


a) Atividades complementares



Baixar 11.7 Mb.
Página592/665
Encontro29.07.2021
Tamanho11.7 Mb.
1   ...   588   589   590   591   592   593   594   595   ...   665
a) Atividades complementares

I. Atividade – o conceito de arte de Oscar Wilde

No capítulo 5 (Parnasianismo), na parte de Literatura, há um tópico sobre o conceito de “arte pela arte”. Se for possível, aprofunde esse conceito, muitas vezes mal interpretado. Para isso, peça aos alunos que leiam um fragmento do prefácio que abre o único romance escrito por Oscar Wilde, O retrato de Dorian Gray (1891), reproduzido a seguir, em que o autor irlandês fala de sua visão sobre o artista, a arte e o crítico de arte. Explique aos alunos que Wilde é considerado um dos maiores escritores da língua inglesa. Ele ficou muito conhecido por escrever peças teatrais como Uma mulher sem importância (1893), O marido ideal e A importância de ser prudente (ambas de 1895), hoje clássicos do teatro britânico, encenados no mundo todo em vários idiomas. Oscar Wilde era um artista completo e complexo, expressou sua arte em textos teatrais, em poemas como “A balada do cárcere de Reading” (1896), em novelas como O fantasma de Canterville (1891), em cartas como De profundis (1897), texto escrito enquanto esteve preso por ser homossexual (em uma época em que isso era proibido), e ensaios como A alma do homem sob o socialismo (1891). O autor utilizou sua literatura para tratar da arte, da vaidade, das manipulações humanas e dos preconceitos, focando-se sobretudo no homem do século XIX. Apesar de ser muito conhecido pelas publicações dirigidas ao público adulto, Wilde escreveu também contos de fadas como “O rouxinol e a rosa”, “O príncipe feliz” e “O aniversário da infanta”. Peça auxílio ao professor de Inglês e mostre aos alunos o site oficial de Oscar Wilde: .





Compartilhe com seus amigos:
1   ...   588   589   590   591   592   593   594   595   ...   665


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal