Se liga na língua: literatura, produção de texto, linguagem



Baixar 11.7 Mb.
Página344/665
Encontro29.07.2021
Tamanho11.7 Mb.
1   ...   340   341   342   343   344   345   346   347   ...   665
3 O substantivo criança foi empregado no texto como hiperônimo de bebê. Se apenas aquela palavra fosse usada tanto no título da notícia quanto no resto do texto, seria possível saber o sexo do recém-nascido? Justifique.

Não seria possível identificar o sexo do bebê, porque criança é um termo de gênero feminino, mas pode se referir tanto a meninos quanto a meninas.

4 Explique por que o adjetivo grávido parece duplamente inadequado quando atribuído ao bebê.

A gravidez não é um estado compatível com a condição de um ser do sexo masculino ou com a condição de alguém que não atingiu a maturidade física.

A notícia desperta a curiosidade dos leitores pela informação inusitada, surpreendente, já antecipada em seu título: o uso do adjetivo grávido é o principal responsável pela captação da atenção do interlocutor, que estranha o uso da palavra no masculino e sua aplicação a um substantivo que não admite essa associação. Ela coloca em destaque a questão do gênero.

Lembra?



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   340   341   342   343   344   345   346   347   ...   665


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal