Ronaldo vainfas


- Navegadores do Oriente no Mediterrâneo: os fenícios



Baixar 2.66 Mb.
Página62/644
Encontro08.10.2019
Tamanho2.66 Mb.
1   ...   58   59   60   61   62   63   64   65   ...   644
6 - Navegadores do Oriente no Mediterrâneo: os fenícios

Os fenícios, povo de origem semita, fixaram-se no território hoje pertencente ao Líbano. A sociedade floresceu ali entre os séculos X e V a.C., destacando-se as cidades de Sidon, Tiro e Biblos. Eram cidades-Estado autônomas, cada qual com seu governante e com suas leis, ou seja, não havia uma unidade política.

A grande característica dos fenícios foi o comércio marítimo no Mediterrâneo, com intensa construção naval. Navios de cedro, madeira abundante na região, fizeram a glória do principal reino marítimo da Antiguidade oriental.

Os fenícios eram politeístas, com destaque para o deus Baal, senhor da chuva, do trovão e da agricultura. A escrita fenícia possuía um jeito próprio, do tipo fonético, considerada uma das mais avançadas dentre os sistemas alfabéticos do Oriente Próximo, origem da escrita grega e latina.

Diversos entrepostos comerciais foram fundados na bacia do Mediterrâneo. Por isso, desde o século V a.C., os fenícios entraram em conflito com os atenienses. A autonomia das cidades fenícias pôde ser parcialmente resguardada graças a uma série de alianças e ao papel de seus mercadores no abastecimento de vários impérios mesopotâmicos e do Egito.

Ainda no século X a.C., o governante de Tiro estabeleceu parceria com o rei Salomão, de Israel, organizando uma expedição ao mar Vermelho. Mais tarde, os fenícios firmaram alianças com assírios, babilônios e, sobretudo, persas. Mas suas cidades passaram a pagar tributos aos grandes impérios. A aliança com os persas foi mais sólida, porque fenícios e persas tinham os gregos como inimigo comum.

O processo de expansão fenícia no Mediterrâneo foi notável. Navegaram na parte ocidental, fundando colônias mercantis no norte da África e na península Ibérica. A mais famosa cidade fenícia no Mediterrâneo ocidental foi Cartago, na atual Tunísia, fundada em 814 a.C. Alguns historiadores chegaram a sugerir que os fenícios teriam navegado pelo Atlântico e chegado até a América, mas não há comprovação dessa hipótese.

39

OS FENÍCIOS NO MEDITERRÂNEO (SÉCULO IX A.C.)



FONTE: Fontes: KINDER, Hermann; HILGEMANN, Werner. Atlas Histórico Mundial: de los orígenes a la Revolución Francesa. Madri: Ediciones Istmo, 1982. p. 36; DUBY, Georges. Atlas Historique Mondial. Paris: Larousse, 2006. p. 8.

CRÉDITOS: HIROE SASAKI

IMAGENS CONTAM A HISTÓRIA


Catálogo: editoras -> liepem18 -> OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> HISTORIA%20VAINFAS%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SARAIVA
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Oficina de história: volume 1
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Gilberto Cotrim Bacharel e licenciado em História pela Universidade de São Paulo Mestre em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Mackenzie Professor de História e advogado Mirna Fernandes
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Geografia Espaço e identidade Levon Boligian, Andressa Alves 3 Componente curricular Geografia
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do professor
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do Professor História Global
HISTORIA%20VAINFAS%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SARAIVA -> Ronaldo vainfas
HISTORIA%20VAINFAS%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SARAIVA -> Ronaldo vainfas
HISTORIA%20VAINFAS%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SARAIVA -> Ronaldo vainfas


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   58   59   60   61   62   63   64   65   ...   644


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal