Ronaldo vainfas



Baixar 0.68 Mb.
Página210/644
Encontro08.10.2019
Tamanho0.68 Mb.
1   ...   206   207   208   209   210   211   212   213   ...   644
A unificação política

A dinastia Ming não foi, porém, senão a penúltima dinastia dentre as muitas que reinaram na China desde o III milênio a.C. A história chinesa foi, do ponto de vista político, a da sucessão de diversas dinastias, não raro rivais. Uma história da guerra, portanto, e não por acaso o primeiro manual de que se tem notícia no mundo sobre como fazer a guerra foi de origem chinesa: Estratégia militar, do general Sun Tzu, escrito no século IV a.C.

A história política da China antes do século XX se divide em dois grandes períodos: China Antiga (2207 a.C.-211 a.C.) e China Imperial (211 a.C.-1911 d.C.). A convenção cronológica a.C. e d.C. é claramente eurocêntrica, e só admitimos usá-la por conveniência didática. A periodização da história chinesa nada tem a ver com Cristo, evidentemente.

LEGENDA: Vista da Cidade Proibida, em Beijing, China. Construída durante a dinastia Ming, na primeira metade do século XV, o complexo de palácios tinha esse nome porque somente o imperador, sua família e sua criadagem tinham acesso à cidadela. A reclusão do imperador tinha relações com outros aspectos de seu poder divino, como a proibição de que pessoas comuns olhassem para ele diretamente. Proclamada a República, em 1912, a cidadela se tornou museu em 1925 e foi incluída no Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, em 1987.

FONTE: ISTOCK/THINKSTOCK

139


No período da China Antiga, inaugurado pela dinastia Xia, nenhum reino conseguiu unificar o território. As dinastias são reconhecidas pelo fato de terem conseguido, durante algum tempo, reinar sobre territórios mais ou menos extensos. Houve fases, porém, em que várias dinastias governavam ao mesmo tempo. No final do século V a.C., havia sete estados políticos importantes, cada qual tentando dominar e incorporar os demais. Os historiadores chineses chamaram esta fase de Período dos Reinos Combatentes.

Boxe complementar:

Fique de olho!

· Confúcio. Os analectos. São Paulo: Martins Editora, 2005.

Alicerce espiritual da mais antiga e populosa civilização viva da Terra, Os analectos serviram de inspiração aos chineses e a todos os povos da Ásia oriental com sua afirmação de uma ética humanista.

Fim do complemento.




Catálogo: editoras -> liepem18 -> OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> HISTORIA%20VAINFAS%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SARAIVA
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Oficina de história: volume 1
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Gilberto Cotrim Bacharel e licenciado em História pela Universidade de São Paulo Mestre em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Mackenzie Professor de História e advogado Mirna Fernandes
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Geografia Espaço e identidade Levon Boligian, Andressa Alves 3 Componente curricular Geografia
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do professor
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do Professor História Global
HISTORIA%20VAINFAS%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SARAIVA -> Ronaldo vainfas
HISTORIA%20VAINFAS%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SARAIVA -> Ronaldo vainfas
HISTORIA%20VAINFAS%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SARAIVA -> Ronaldo vainfas


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   206   207   208   209   210   211   212   213   ...   644


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal