Revista Brasileira de Inteligência e-issn 2595-4717



Baixar 2.33 Mb.
Pdf preview
Página48/83
Encontro02.08.2022
Tamanho2.33 Mb.
#24436
1   ...   44   45   46   47   48   49   50   51   ...   83
RBI16verso23062022
Ameaças, incertezas e 
desafios no Brasil
O desafi o brasileiro também se revelava ao 
escrutínio da comunidade internacional. 
Reverberou-se, nas mídias estrangeira 
e nacional, a descrença de que o Brasil 
fosse capaz de organizar encontros 
de magnitude
4
. As críticas recaíam, 
4 Disponível em: https://istoe.com.br/a-seguranca-olimpica/ . Acesso em: 23 fev. 2021
Disponível em: https://www.bbc.com/news/world-latin-america-36950412 Acesso em: 08 fev. 2021
Disponível em: https://www.theguardian.com/world/2016/jul/16/rio-olympics-crisis-brazil-zika-athletes-woes-uplift 
Acesso em: 02 fev. 2021
Disponível em: https://www.nytimes.com/2016/06/25/sports/olympics/as-the-olympics-near-brazil-and-rio-let-
the-bad-times-roll.html Acesso em: 02 fev. 2021
5 Christoffer Gaffney, Segurança Pública e os Megaeventos no Brasil in Brasil: Os impactos da Copa do Mundo 
de 2014 e das Olimpíadas de 2016 pg. 166.
6 Segundo o Altas da Violência (IPEA) entre 2001 e 2013, o Brasil esteve próximo ou dentro da ordem da grandeza 
de 50 mil homicídios anuais, sendo os extremos de 48.032 (2001) e 57.396 (2013). Entre 2014 e 2017, os 
valores ultrapassam os 60 mil assassinatos, à exceção de 2015, mas com valores bem próximos a essa ordem 
(59.080). Essa variação no período fez com o que o Brasil fi gurasse ao redor dos 10 países mais violentos do 
mundo. Entre 2011 e 2018, pelo menos 14 das 50 cidades mais violentas no mundo fi cavam no Brasil, segundo 
a Organização Não Governamental mexicana Conselho Cidadão para Segurança Pública e Justiça Penal. Em 
2016, ano das Olimpíadas, o Brasil registrava 20 dessas cidades.
7 Disponível em: https://professorlfg.jusbrasil.com.br/artigos/164811531/19-das-50-cidades-mais-violentas-
do-mundo-sao-brasileiras Acesso em: 02 fev. 2021
Disponível em: https://forbes.com.br/listas/2016/08/20-cidades-mais-violentas-mundo/ Acesso em: 08 fev. 2021
Disponível em: https://g1.globo.com/mundo/noticia/brasil-tem-19-cidades-em-ranking-de-ong-com-as-50-mais-
violentas-do-mundo.ghtml Acesso em: 02 fev. 2021
Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-43309946 Acesso em: 02 fev. 2021
principalmente, sobre capacidade de 
logística (transporte) e de segurança, 
identificadas por Christopher Gaffney
5
como dois elementos-chave para se 
compreender revezes de candidaturas 
brasileiras anteriores para sediar os jogos 
olímpicos (2004 e 2012). 
No que se refere à segurança pública, 
exploraram-se aspectos negativos, como 
os índices de violência
6
, que alçavam o país 
ao ranking dos países mais violentos do 
mundo
7
. À soma disso, evidenciaram-se 
características de criminalidade urbana 
peculiares, como a existência de facções 
criminosas de base prisional, de atuação 
dentro e fora dos presídios e domínio 
territorial armado. Em verdade, não são 
poucos os episódios de violência contra 
a população e de atentados ao poder 
público constituído vivenciados no País, 
a exemplo dos ataques do PCC aos seus 


Revista Brasileira de Inteligência. Brasília: Abin, nº. 16, dez. 2021
93
Perspectivas e desafi os para o trabalho integrado em centros de Inteligência
alvos na cidade de São Paulo, que pararam 
aquela capital em maio de 2006.
Quanto ao terrorismo
8
, reverberava-se 
apreensão sobre alegadas fragilidades 
institucionais e logísticas, que poderiam 
ser exploradas por grupos terroristas 
visando à ampla exposição de seus feitos, 
pois os olhos do mundo estariam voltados 
para o Brasil. 
As projeções de vexame nacional em 
segurança se frustraram. Em grande 
medida, isso se deve à proximidade entre 
as forças de segurança, cuja expressão mais 
concreta dá-se na governança estabelecida 
para os jogos olímpicos de 2016, em que 
Inteligência, Segurança Pública e Defesa 
confi guraram o escopo temático de três 
diferentes eixos de integração (LIMA, 
2019). Embora de intrincada concertação, 
que previa integração e sistema de tomada 
de decisões em níveis regional, nacional, 
ministerial e presidencial, estabelecida no 
Plano Estratégico de Segurança Integrada 
(PESI), aprovado pela portaria ministerial 
1678/2015, tal governança garantiu que 
todas as unidades envolvidas tivessem 
seu papel bem definido e que não 
houvesse sobreposições de atuação. 
Como resultado, o evento transcorreu 
sem maiores alterações e a mobilização 
da Polícia Federal (PF), Agência Brasileira 
de Inteligência (Abin) e Polícia Civil do Rio 
de Janeiro, já desde a fase de preparação 
dos jogos, viabilizou, pelo menos, dois 
êxitos de investigação: desarticulação, às 
vésperas dos jogos, de grupo extremista 
islâmico (SOUSA, 2017, p. 18) e atuação 
8 Disponível em: https://www.em.com.br/app/noticia/nacional/2016/07/17/interna_nacional,784528/terrorismo-
brasil-atentados-2016-rio-olimpiadas.shtml Acesso em: 2 fev. 2021 e em https://www.dw.com/pt-br/capacidade-
antiterrorista-do-brasil-depende-de-cooperação-internacional/a-18868441 Acesso em: 2 fev. 2021
9 Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-37022868 Acesso em: 22 fev 2021
golpista envolvendo esquema de venda 
ilegal de ingressos
9
.
Independentemente das probabilidades 
de concretização das ameaças postas, 
todas as instâncias públicas envolvidas 
na organização de cada um dos eventos 
dispensaram especial atenção à temática 
segurança. Evitar e mitigar episódios 
violentos eram, portanto, missão de alta 
relevância. 
Baixar 2.33 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   44   45   46   47   48   49   50   51   ...   83




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal