Revista Brasileira de História. São Paulo, V. 23, nº 45, pp. 261-280 2003



Baixar 158.47 Kb.
Pdf preview
Página1/9
Encontro17.03.2020
Tamanho158.47 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9


261

Revista Brasileira de História. São Paulo, v. 23, nº 45, pp. 261-280 - 2003

Política missionária e secular 

em escritos jesuíticos sobre a 

Baixa Califórnia no século XVIII

1

Beatriz Helena Domingues



Universidade Federal de Juiz de Fora

R

ESUMO



O objetivo deste artigo é analisar a con-

jugação de preocupações espirituais e

temporais nos escritos jesuíticos mexica-

nos referentes às missões da Baixa Cali-

fórnia em meados do século XVIII, pe-

ríodo em que a Companhia de Jesus vinha

se enfrentando com as reformas bourbô-

nicas. Toma como exemplos os escritos

de dois jesuítas: um missionário (Miguel

Venegas) e um educador (F. X. Clavije-

ro). Venegas foi missionário na Baixa Ca-

lifórnia e autor de Notícia de la Califor-



nia y de su conquista temporal y espiritual

hasta el tiempo presente (1739). Clavijero

foi principalmente um educador, mas en-

volvido com o desempenho das missões,

conforme pode ser visto na sua Historia



de la Antigua o Baja California (1790).

Ambos são aqui considerados como re-

presentantes da geração de jesuítas me-

xicanos que, poucas décadas antes da ex-

pulsão da Cia de Jesus da Nova Espanha,

que combinaram trabalho espiritual com

o temporal, dos quais resultou uma bem

sucedida experiência missionária e uma

rica produção intelectual.

Palavras-chave: jesuítas; jesuítas na Bai-

xa Califórnia; ecletismo.

A

BSTRACT



The aim of this article is to analyse the

coexistence of spiritual and temporal

preoccupations in the Mexican Jesuit

writings on the Low California missions

by the middle of the eighteenth century,

when the Society of Jesus were facing the

Bourbon Reforms. It takes as examples

the writings of two Jesuits: a missionary

(Miguel Venegas) and an educator (F.X.

Clavijero). Venegas was a missionary in

Low California and author of Notícia de

la California y de su conquista temporal

y espiritual hasta el tiempo presente

(1739). Clavijero was mainly an educa-

tor, but involved with the performance

of the missions as can be seen in his His-



toria de la Antigua or Baja California

(1790). Both are here considered as re-

presentatives of a generation of Mexi-

can Jesuits who, few decades before the

expelling of the Society of Jesus from

New Spain, combined their spiritual

with their temporal works, whose result

was a successful missionary enterprise

and a rich intellectual production.

Keywords: jesuits; jesuits from Low Ca-

lifornia; Eclecticism.



A idéia deste artigo é analisar a conjugação de preocupações espirituais e

temporais nos escritos jesuíticos mexicanos referentes às missões da Baixa

Califórnia em meados do século XVIII, período em que a Companhia de Je-

sus vinha se enfrentando com as reformas bourbônicas. Toma como exemplo

os escritos de dois jesuítas: um missionário e um educador. Miguel Venegas,

missionário na Baixa Califórnia por muitos anos e autor de Notícia de la Ca-



lifornia y de su conquista temporal y espiritual hasta el tiempo presente [1739]

é aqui considerado como representante da geração de jesuítas mexicanos que,

poucas décadas antes da expulsão da Cia de Jesus da Nova Espanha, acrescen-

tavam ao seu trabalho missionário — que era também temporal, envolvendo

desde construção e comércio até defesa militar — uma rica produção intelec-

tual. Seu trabalho enfatiza a descrição da difícil experiência missionária dos

jesuítas na Califórnia, e como, a partir dela, foram aperfeiçoando sua cate-

quese. Ao mesmo tempo, faz referências às “descobertas” históricas e geográ-

ficas que deveriam ser levadas em conta pela Coroa espanhola em sua políti-

ca em relação à região em termos de comércio, navegação e defesa estratégica

do império espanhol, confrontado então com a expansão de ingleses e russos

em direção às terras da Califórnia, especialmente aquelas mais ao norte, onde

a presença espanhola era ainda incipiente. Clavijero — educador e ativo par-

ticipante na chamada “Disputa do Novo Mundo” — escreveu sua Historia de






Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal