Regional uberaba


LEI N° 652 DE 6 DE SETEMBRO DE 1929



Baixar 10.63 Mb.
Pdf preview
Página35/309
Encontro13.02.2022
Tamanho10.63 Mb.
#21606
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   309
56

LEI N° 652 DE 6 DE SETEMBRO DE 1929

Considera como de Utilidade Pública a Escola de

Pharmacia e Odontologia desta cidade

O povo do município de Uberaba, por seus 

vereadores, votou, e eu, , em seu nome, sancciono a seguinte lei:

Art.I - Fica a Escola de Pharmacia e Odontologia 

reconhecida como de utilidade pública.

Art. II - Revogam-se as disposições em contrário.

PAÇO DA CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA, 6 

DE SETEMBRO DE 1929.

“Cumpra-se. O director da Secretaria Registre e 

Publique”

Dr. Olavo Rodrigues da Cunha - Presidente da 

Câmara e Agente Executivo.

Registrada e publicada nesta Secretaria da Câmara 

Municipal de Uberaba, aos seis dias do mez de setembro de mil 

novecentos e vinte e nove.

8

A 20 de novembro de 1929 foi nomeado fi scal efetivo da Escola de Farmácia 

e Odontologia, Dr. Álvaro Guaritá, por ato do Presidente do Estado de Minas Gerais, 

e exerceu as suas funções até 4 de dezembro de 1930.

Ainda em 1929, os alunos fundaram o “Centro Acadêmico Rui Barbosa”.

A exemplo do que se faz nos meios universitários, a 

nossa distinta rapaziada que cursa a nossa Escola de Farmácia 

e Odontologia resolveu, num momento de entusiasmo, fundar 

um centro acadêmico com um único fi m: defender e propugnar 

pelos interesses dos estudantes na cidade de Uberaba. O Centro 

não será político nem se fi liará a facção política alguma.

A diretoria aclamada e que tomará posse hoje, às 3 

horas da tarde, na sede da Escola de Farmácia e Odontologia, será 

a seguinte: Presidente, Henrique Von Krügger;Vice-Presidente, 

David Carvalho;1º Secretário, Gastão de Souza;2º Secretário, J. 

Pereira Magalhães; Tesoureiro, Carlos A. Machado; 1º Orador 

Ofi cial, João Garcez Moraes; 2º Orador Ofi cial, João Cruvinel 

Borges; Procurador, Astolfo Moreira da Silva e conselheiro

Prof. Alexandre Souza Borges.

(Jornal Lavoura e Comércio - 13/09/1929)

8

 

Actas das Sessões da Câmara Municipal de Uberaba. 20/05/1929. p. 270




57

Dr. Francisco Mineiro Lacerda continuou como único proprietário da 

Faculdade até 18 de janeiro de 1932, ocasião em que organizou uma sociedade civil 

por quotas de responsabilidade limitada. O objetivo dessa sociedade era a manutenção 

administrativa e acadêmica da Escola e dos cursos de Farmácia e Odontologia.

Integraram a sociedade, além do Dr. Francisco Mineiro Lacerda, os Srs: 

Vitório Guaraciaba, contador; Amélia Lacerda Guaraciaba, professora e farmacêutica; 

Dr. Manoel Libânio, cirurgião-dentista e bacharel em direito; Dr. José Ari de Almeida, 

advogado.

A Escola instalou-se em prédios alugados que eram adaptados para as suas 

fi nalidades: Primeiramente funcionou na Rua Vigário Silva, esquina com a Rua Carlos 

Rodrigues da Cunha.





Baixar 10.63 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   309




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal