RecomendaçÕes imuno hematologia


PROVAS DE COMPATIBILIDADE



Baixar 210.93 Kb.
Pdf preview
Página21/36
Encontro17.03.2020
Tamanho210.93 Kb.
1   ...   17   18   19   20   21   22   23   24   ...   36
06

PROVAS DE COMPATIBILIDADE


41

40

Selecção do Componente a Transfundir

Sempre  que  possível,  os  componentes  a  transfundir  deverão 

pertencer ao mesmo grupo ABO/Rh D do doente.

Quando não for possível a transfusão de CE idênticos ao receptor no 

sistema ABO, podem ser transfundidos CE compatíveis no sistema 

ABO (Tabela 1).

Fenótipo ABO dos CE

ABO do receptor

escolha

2ª escolha

3ª escolha

4ª escolha

AB

AB

A



B

O

A



A

O

B



B

O

O



O

Tabela 1: Compatibilidade no sistema AB0

Deve  evitar-se  a  transfusão  de  CE  com  fenotipo  Rh  D  positivo 

a  doentes  com  fenotipo  Rh  D  negativo.  Em  situações  extremas,  é 

aceite  a  transfusão  de  CE  com  fenótipo  Rh  D  positivo  a  doentes  

Rh D negativo do sexo feminino pós menopausa e do sexo masculino, 

desde  que  não  apresentem  imunização  anti-D.  Nestes  doentes,  é 

muito importante obter a história de transfusão e gravidez prévias. 

No caso de haver estes antecedentes, sugere-se a realização da PAI 

também em meio enzimático. 

 

A  presença  de  alo-anticorpos  clinicamente  significativos,  ou  a 



existência de registo de anticorpos no processo transfusional, obriga 

a que os CE a transfundir não possuam os antigénios correspondentes  

(Tabela  2).  Nestes  casos,  devem,  ainda,  sempre  que  possível, 

apresentar o mesmo fenotipo DCcEe e Kell que o receptor. 

Tabela 2: Selecção de CE (s) para doentes com anticorpos anti-eritrócitários




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   17   18   19   20   21   22   23   24   ...   36


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal