Programa de Gestão Integrada de Águas e da Paisagem



Baixar 5.32 Mb.
Página70/158
Encontro17.03.2020
Tamanho5.32 Mb.
1   ...   66   67   68   69   70   71   72   73   ...   158

6.1.2 Divino São Lourenço


6.1.2.1 – Situação Atual

A região da cidade de Divino de São Lourenço pertence à Bacia Hidrográfica do Rio Itabapoana na região do Caparaó, importante centro turístico do estado.. O corpo receptor natural deste sistema é o Rio do Veado afluente do rio Itabapoana.

A cidade não tem rede coletora de esgotos, que são lançados nos cursos d’água que cortam a cidade diretamente ou via redes pluviais.

6.1.2.2 – Intervenção Proposta

O sistema de esgotamento sanitário de Divino de São Lourenço será dividido em 3 (três) bacias de esgotamento. O traçado do plano de escoamento e a divisão das sub-bacias de esgotamento foram concebidos com o objetivo de reduzir o número de estações elevatórias do sistema, de modo a diminuir problemas operacionais, otimizar o consumo de energia elétrica e evitar sobrecargas hidráulicas na estação de tratamento de esgoto.

Foram concebidas 3 estações elevatórias para reverter o fluxo de esgotos e reuni-los em um único ponto de tratamento.

A estação de tratamento – ETE utilizará o processo de reator UASB seguido de filtro aerado submerso que alcança uma remoção de 90% de DBO e de 99,9% coliformes fecais. O sistema é composto de gradeamento, desarenador, reator UASB, filtro aerado submerso, leitos de secagem e queimador de gás e terá capacidade para 5 l/s, seguindo a mesma concepção do sistema de Santa Leopoldina, variando apenas o tamanho das unidades.

O sistema foi projetado para atender a uma população de 2.366 habitantes em final de plano (2031) e vazão média de 5 l/s.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   66   67   68   69   70   71   72   73   ...   158


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal