Primeira República no Brasil: aspectos históricos e historiográficos



Baixar 109.83 Kb.
Página17/25
Encontro30.06.2021
Tamanho109.83 Kb.
1   ...   13   14   15   16   17   18   19   20   ...   25

“Tenentismo” - Revoltas

  • Julho de 1922: Contra o fechamento do Clube Militar e a prisão de Hermes da Fonseca, opositor de Artur Bernardes.
  • Revolta do Forte de Copacabana – “militarismo salvacionista”
  • Julho de 1924 – Revolta mais planejada e articulada: São Paulo, Nordeste, Amazonas, Rio Grande do Sul.
  • Coluna Prestes-Miguel Costa (1924-1927) – interiorização da guerrilha e isolamento político.
  • Participação no levante de outubro de 1930 que pôs fim à Primeira República

“Tenentismo” – aspectos sócio-políticos

  • Ruptura de Luis Carlos Prestes (Fonte: “Manifesto de Maio de 1930”)
  • Tenentismo e Dissidências Oligárquicas – “Revolução de 30”
  • Tenentismo e projeto reformista-autoritário – “Clube 3 de outubro”
  • Tenentismo e reação oligárquica (Revolta paulista, 1932).
  • Cisão do tenentismo (anos 1930): fascistas e comunistas
  • Reforma do Exército (anos 1930) – Gois Monteiro e Eurico Dutra – profissionalização, política de promoções, política do Exercito x Política no Exército; busca de maior uniformidade ideológica
  • Debate historiográfico: base social e projeto ideológico do “tenentismo” (expressão das classes médias? Reformismo democratizante ou salvacionismo militar autoritário? Expressão das crises e demandas corporativas do Exército?



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   13   14   15   16   17   18   19   20   ...   25


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal