Preparação para Pfolio Demografia Inúmeras teorias foram elaboradas para tentar explicar o crescimento populacional. Dentre elas, destaca-se a teoria malthusiana


Elabore a sua resposta tendo em conta os seguintes aspetos a incluir na sua reflexão



Baixar 58.93 Kb.
Página20/20
Encontro08.02.2022
Tamanho58.93 Kb.
#21516
1   ...   12   13   14   15   16   17   18   19   20
Preparação Demografia - SC
Elabore a sua resposta tendo em conta os seguintes aspetos a incluir na sua reflexão:

Faça uma análise socio demográfica dos efeitos desta crise ao nível de todos os indicadores demográficos que conhece. Reflita acerca dos efeitos e das consequências sociodemográficos que podem resultar desta pandemia.
A COVID-19 entrou, de forma ampla, no quotidiano da nossa vida em sociedade, apesar de se tratar de uma doença muito recente: no mundo, o primeiro caso foi reportado no final de dezembro de 2019, em Wuhan (República Popular da China). Em Portugal, os primeiros casos identificados surgiram no início de março de 2020 e o primeiro óbito aconteceu a 16 de março.

De momento, o que sabemos sobre as características sociodemográficas das populações mais expostas a este vírus é ainda muito insuficiente. Os dados são escassos e, por vezes, pouco consistentes. Como tal, as análises e possíveis ilações devem, nesta fase, ser muito cautelosas. Há, porém, uma ideia que parece ganhar destaque no quadro desta evolução: o envelhecimento demográfico enquanto aliado da COVID-19. Mais do que encontrar respostas definitivas sobre o assunto, esta reflexão pretende colocar em perspectiva essa ideia, tendo por base os dados disponibilizados publicamente pela Direcção Geral da Saúde (DGS) e pela OMS até à data de 26 de Abril de 2020. (Rosa, Maria João Valente. 2020)


A SARS-COV-2 é uma pandemia que ficará na história da humanidade associada a variadas consequências a diversos níveis, tanto demográfico, como social, cultural, saúde, económico ou político.

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística nas semanas 2 e 3 de 2021 registaram-se em Portugal, respetivamente, 4 530 e 4 898 óbitos, mais 1 714 e 2 032 óbitos que a média de 2015-2019. O número de óbitos por COVID-19 nessas semanas foi de 1 103 e de 1 693, representando, respetivamente, 24,3% e 34,6% do total de óbitos.

Dos 9 428 óbitos registados neste período, 4 738 foram de homens e 4 690 de mulheres, mais 1 945 e 1 801 óbitos, respetivamente, que a média de óbitos nas mesmas semanas de 2015-2019.
Numa perspetiva de análise sociodemográfica relativamente ao COVID-19, podemos apenas afirmar que a taxa de mortalidade tem vindo a crescer, principalmente nas faixas etárias mais altas, o que por um lado poderá vir a traduzir-se num equilíbrio demográfico, visto que o envelhecimento demográfico é há tanto tempo uma preocupação demográfica, nomeadamente nos países desenvolvidos. No entanto, para ocorrer esse equilíbrio a taxa de natalidade terá de ser positiva, o que de momento ainda não existem dados suficientes relativos a 2020 e 2021 para afirmar essa análise. Mas de uma forma exploratória, podemos perspetivar possíveis acontecimentos associados à pandemia, como drástica diminuição de casamentos devido à limitação de serviços e celebrações, a ausência de migrações pela proibição de movimentações afetando as dinâmicas populacionais tão importantes no seu papel autorregulador, e possivelmente uma diminuição de nascimentos, devido ao medo da situação atual e futura que poderemos atravessar, não só ao nível da lotação dos sistemas de saúde, cuidados natais e de acompanhamento familiar, mas também às condições económicas para poder alargar o seio familiar.
Concluindo, a pandemia veio uma forma combater a questão preocupante das populações envelhecidas, mas por outro veio quebrar e paralisar todas as outras dinâmicas que podem fazer o equilíbrio à grande taxa de mortalidade. Ou seja, sem o crescimento das taxas de fecundidade e natalidade, a expressão gráfica mantém-se continuando a ser a esmagadora maioria população de idade ativa, com uma baixa natalidade, não havendo continuidade de gerações.
Fontes:
Rosa, Maria João Valente. (2020). Envelhecimento Demográfico em Fase de COVID-19. Medicina Interna27(Supl. 1), 26-29. Envelhecimento Demográfico em Fase de COVID-19 (mec.pt), consultado a:17 fevereiro 2021.


CITATION Naz96 \p 54-57 \l 2070 : , (Nazareth, Introdução à Demografia - Teoria e Prática, 2000, pp. 54-57),

CITATION Naz04 \p 40 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, p. 40),

CITATION Bäc071 \l 2070 : , (Bárbara, 2007),

CITATION Naz96 \p 29-31 \l 2070 : , (Nazareth, Introdução à Demografia - Teoria e Prática, 2000, pp. 29-31),

CITATION Naz04 \p 118-121 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, pp. 118-121),

CITATION INE17 \l 2070 : , (INE, 2017),

CITATION Bäc071 \l 2070 : , (Bárbara, 2007),

CITATION Bäc071 \p 79-87 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 79-87),

CITATION Naz04 \p 253 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, p. 253),

CITATION Pei07 \l 2070 : , (Peixoto, 2007),

CITATION Mar03 \l 2070 : , (Maria João Valente Rosa, 2003),

CITATION Naz04 \p 253-255 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 253-255),

CITATION Bäc071 \p 132-133 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 132-133),

CITATION Bäc071 \p 132-133 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 132-133),

CITATION Naz04 \p 258 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, p. 258),

CITATION Bäc071 \p 32 \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 32),

CITATION Naz04 \p 57 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, p. 57),

CITATION Naz04 \p 99-100 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 99-100),

CITATION Naz04 \p 223-225 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 223-225),

CITATION Bäc071 \p 84;140 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 84;140),

CITATION Naz04 \p 118-119 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 118-119),

CITATION Bäc071 \p 66 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 66),

CITATION Bäc071 \p 26-27 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 26-27),

CITATION Bäc071 \p 49 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 49),



CITATION Naz04 \l 2070 : , (Nazareth, 2004),



Baixar 58.93 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   12   13   14   15   16   17   18   19   20




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal