Preparação para Pfolio Demografia Inúmeras teorias foram elaboradas para tentar explicar o crescimento populacional. Dentre elas, destaca-se a teoria malthusiana



Baixar 58.93 Kb.
Página2/20
Encontro08.02.2022
Tamanho58.93 Kb.
#21516
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   20
Preparação Demografia - SC
Fonte:

CITATION Naz96 \p 54-57 \l 2070 : , (Nazareth, Introdução à Demografia - Teoria e Prática, 2000, pp. 54-57),

CITATION Naz04 \p 40 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, p. 40),

CITATION Bäc071 \l 2070 : , (Bárbara, 2007),

CITATION Naz96 \p 29-31 \l 2070 : , (Nazareth, Introdução à Demografia - Teoria e Prática, 2000, pp. 29-31),

CITATION Naz04 \p 118-121 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, pp. 118-121),

CITATION INE17 \l 2070 : , (INE, 2017),

CITATION Bäc071 \l 2070 : , (Bárbara, 2007),

CITATION Bäc071 \p 79-87 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 79-87),

CITATION Naz04 \p 253 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, p. 253),

CITATION Pei07 \l 2070 : , (Peixoto, 2007),

CITATION Mar03 \l 2070 : , (Maria João Valente Rosa, 2003),

CITATION Naz04 \p 253-255 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 253-255),

CITATION Bäc071 \p 132-133 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 132-133),

CITATION Bäc071 \p 132-133 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 132-133),

CITATION Naz04 \p 258 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, p. 258),

CITATION Bäc071 \p 32 \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 32),

CITATION Naz04 \p 57 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, p. 57),

CITATION Naz04 \p 99-100 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 99-100),

CITATION Naz04 \p 223-225 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 223-225),

CITATION Bäc071 \p 84;140 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 84;140),

CITATION Naz04 \p 118-119 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 118-119),

CITATION Bäc071 \p 66 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 66),

CITATION Bäc071 \p 26-27 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 26-27),

CITATION Bäc071 \p 49 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 49),

CITATION Naz04 \l 2070 : , (Nazareth, 2004),


Identifique os (três) traços essenciais que caracterizam a evolução global da população do continente europeu durante o Antigo Regime e as razões do desaparecimento do modelo demográfico do Antigo Regime. Descreva os grandes modelos de evolução da população.
Os três traços essenciais que caracterizam a evolução global do continente europeu durante o antigo regime foram, o crescimento moderado da população de 70 milhões no início do século XIV para 111 milhões em meados do século XVIII, as quebras de crescimento populacional ocasionado pelas crises de mortalidade e as crises de subsistência.

O antigo regime diz respeito ao período da História da Europa que se desenvolveu no séc. XVI até ao início dos séc. XVIII. A nível demográfico caracterizava-se por taxas de natalidade altas em que a população passa de 70 milhões no séc. XIV para 111milhões no séc. XVIII, a mortalidade, persistência e frequência de crises demográficas, causadas por epidemias, doenças fomes: as quebras de crescimento populacional ocasionado pelas crises de mortalidade: a fase da peste e a fase das epidemias sociais e as crises de subsistência.

A mortalidade era um fator regulador e destruidor da população daquela altura. Determinados historiadores da população têm uma visão mecanicista das sociedades humanas nesta época ao pensarem que o elemento regulador era a morte. Assim esta perspetiva mecanicista acabou por não resistir à onda de investigações acerca do sistema demográfico do Antigo Regime que representa atualmente com o desenvolvimento da Demografia Histórica.

É no final dos anos 70 que Dupâquier levanta então o dilema: “Como é que 18 milhões de súbditos de Luís XIV mal alimentados, aumentaram num século para 27 milhões vivendo numa relativa abundância e reagindo à oscilação de preços?” [CITATION Naz96 \p 29-31 \l 2070 ]




CITATION Naz96 \p 54-57 \l 2070 : , (Nazareth, Introdução à Demografia - Teoria e Prática, 2000, pp. 54-57),

CITATION Naz04 \p 40 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, p. 40),

CITATION Bäc071 \l 2070 : , (Bárbara, 2007),

CITATION Naz96 \p 29-31 \l 2070 : , (Nazareth, Introdução à Demografia - Teoria e Prática, 2000, pp. 29-31),

CITATION Naz04 \p 118-121 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, pp. 118-121),

CITATION INE17 \l 2070 : , (INE, 2017),

CITATION Bäc071 \l 2070 : , (Bárbara, 2007),

CITATION Bäc071 \p 79-87 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 79-87),

CITATION Naz04 \p 253 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, p. 253),

CITATION Pei07 \l 2070 : , (Peixoto, 2007),

CITATION Mar03 \l 2070 : , (Maria João Valente Rosa, 2003),

CITATION Naz04 \p 253-255 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 253-255),

CITATION Bäc071 \p 132-133 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 132-133),

CITATION Bäc071 \p 132-133 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 132-133),

CITATION Naz04 \p 258 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, p. 258),

CITATION Bäc071 \p 32 \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 32),

CITATION Naz04 \p 57 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, p. 57),

CITATION Naz04 \p 99-100 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 99-100),

CITATION Naz04 \p 223-225 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 223-225),

CITATION Bäc071 \p 84;140 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 84;140),

CITATION Naz04 \p 118-119 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 118-119),

CITATION Bäc071 \p 66 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 66),

CITATION Bäc071 \p 26-27 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 26-27),

CITATION Bäc071 \p 49 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 49),

CITATION Naz04 \l 2070 : , (Nazareth, 2004),



Baixar 58.93 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   20




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal