Preparação para Pfolio Demografia Inúmeras teorias foram elaboradas para tentar explicar o crescimento populacional. Dentre elas, destaca-se a teoria malthusiana


Defina taxa de natalidade e fecundidade apresentando as semelhanças e diferenças entre elas



Baixar 58.93 Kb.
Página12/20
Encontro08.02.2022
Tamanho58.93 Kb.
#21516
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   ...   20
Preparação Demografia - SC
Defina taxa de natalidade e fecundidade apresentando as semelhanças e diferenças entre elas.
A taxa de natalidade é um índice obtido entre duas variáveis: a população de determinado período e a quantidade de nascimentos registados no mesmo período. Ao se fazer a divisão da quantidade de nascimentos pela população do período, obtém-se a taxa de natalidade: TBN = nº nascimentos/população total (média) x 1000.

A natalidade, tem em conta vários fatores bastante diferenciados responsáveis pela sua evolução: fatores biológicos, relações sexuais, leis e costumes, divórcio, viuvez e abstinência, contraceção e aborto, fatores económicos, fatores sociais, fatores culturais, urbanismo e escolaridade.

A fecundidade não é alheia ao meio, existem determinantes diretos e indiretos que influenciam na fecundidade, como a escolaridade, religião, cultura são determinantes indiretos da fecundidade, enquanto os métodos contracetivos são determinantes diretos.

A taxa de fertilidade geral é medida através da divisão da população feminina no período fértil sobre a população total multiplicado por mil: TFG = (mulheres 15-49 anos/ População total) x 1000. [CITATION Naz04 \p 223-225 \t \l 2070 ]



Fonte:

CITATION Naz96 \p 54-57 \l 2070 : , (Nazareth, Introdução à Demografia - Teoria e Prática, 2000, pp. 54-57),

CITATION Naz04 \p 40 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, p. 40),

CITATION Bäc071 \l 2070 : , (Bárbara, 2007),

CITATION Naz96 \p 29-31 \l 2070 : , (Nazareth, Introdução à Demografia - Teoria e Prática, 2000, pp. 29-31),

CITATION Naz04 \p 118-121 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, pp. 118-121),

CITATION INE17 \l 2070 : , (INE, 2017),

CITATION Bäc071 \l 2070 : , (Bárbara, 2007),

CITATION Bäc071 \p 79-87 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 79-87),

CITATION Naz04 \p 253 \l 2070 : , (Nazareth, Demografia - A ciência da População, 2004, p. 253),

CITATION Pei07 \l 2070 : , (Peixoto, 2007),

CITATION Mar03 \l 2070 : , (Maria João Valente Rosa, 2003),

CITATION Naz04 \p 253-255 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 253-255),

CITATION Bäc071 \p 132-133 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 132-133),

CITATION Bäc071 \p 132-133 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 132-133),

CITATION Naz04 \p 258 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, p. 258),

CITATION Bäc071 \p 32 \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 32),

CITATION Naz04 \p 57 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, p. 57),

CITATION Naz04 \p 99-100 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 99-100),

CITATION Naz04 \p 223-225 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 223-225),

CITATION Bäc071 \p 84;140 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 84;140),

CITATION Naz04 \p 118-119 \t \l 2070 : , (Nazareth, 2004, pp. 118-119),

CITATION Bäc071 \p 66 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 66),

CITATION Bäc071 \p 26-27 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, pp. 26-27),

CITATION Bäc071 \p 49 \t \l 2070 : , (Bárbara, 2007, p. 49),

CITATION Naz04 \l 2070 : , (Nazareth, 2004),


As taxas de fecundidade mais elevadas nos Estados Membros da União Europeia registaram-se em França (1,96 nascimento vivo por mulher em 2015), seguida pela Irlanda (1,92), Suécia (1,85) e Reino Unido (1,80). A taxa mais baixa foi registada em Portugal (1,31 nascimento vivo por mulher) assim como na Polónia (1,32). Explique a que se deve essas diferenças de fecundidade.

As diferenças de fecundidade observadas de um país para outro podem estar ligadas a vários fatores, por exemplo à estrutura socioeconómica da população (por exemplo o nível de estudos atingido, a situação profissional, o rendimento ou a idade) ; o lugar de residência (por exemplo a presença de infraestruturas, as estruturas de guarda das crianças ou o mercado imobiliário ; ou fatores culturais (por exemplo, crenças e tradições religiosas, atitudes perante os nascimentos fora do casamento ou em relação à contraceção). Observam-se também que as taxas de fecundidade são mais elevadas nas regiões caracterizadas por níveis relativamente elevados de migrantes.




Baixar 58.93 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   ...   20




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal