Portugues ling int vol3 pnld2018 capa al pr indd



Baixar 39.74 Mb.
Pdf preview
Página271/273
Encontro07.02.2022
Tamanho39.74 Mb.
#21486
1   ...   265   266   267   268   269   270   271   272   273
Linguagem Interacao 3 MP 0019P18013 PNLD2018
pontuação, de autoria de Véronique Dahlet (há um trecho 

dessa obra transcrito na primeira parte deste Manual). 

Há também preciosas indicações sobre a relação entre 

o oral e a escrita nas obras: 

 

• BLANCHE-BENVENISTE, Claire. Aproches de la 



langue parlée en Français. Paris: Ophrys, 1997. 

 

• __________. Estudios lingüísticos sobre la relación 



entre oralidad y escritura. Barcelona: Gedisa, 1998. 

Sobre o trabalho com a leitura em voz alta, há o 

capítulo da obra: 

 

• DOLZ, J.; SCHNEUWLY, B. La lecture à d’autres. In: 



Pour un enseignement de l’oral. 4. ed. Paris: ESF, [s.d.].

Sugestões de atividades interdisciplinares – 

Unidade 2

E a conversa chega ao fim

A Unidade 2 versa sobre uma temática importan-

te da vida em sociedade: o cotidiano. E um dos as-

pectos mais cotidianos da vida em sociedade é a 

circulação social: a dinâmica das ações do dia a dia 

impõe às pessoas a necessidade de circular social-

mente por diferentes esferas de comunicação, gru-

pos, lugares, etc. Nessas ações cotidianas e para 

realizar suas diversas atividades sociais, as pessoas 

precisam se deslocar por diferentes espaços, estabe-

lecendo níveis diversos de relações com eles. Em 

todos os espaços isso é perceptível, mas no meio 

urbano a circulação social para realizar diferentes ati-

vidades é ainda mais marcante: as pessoas são obri-

gadas a circular pela cidade para atividades tão di-

versas quanto as ligadas ao mundo do trabalho e as 

atividades de lazer.

Pensando nessa questão, uma possibilidade de 

ampliar as discussões a respeito do cotidiano, dentro 

da perspectiva do projeto O cotidiano sob muitos olha-

res, é propor aos alunos que mapeiem os “circuitos da 

juventude” de sua cidade ou região. Esse mapeamen-

to deve envolver a colaboração dos professores de 

Geografia e de Sociologia, que poderão ajudar os alu-

nos a compreenderem melhor as questões tratadas na 

Unidade 2 e dar início às discussões que devem ser 

realizadas nas Unidades 3 e 4. 

Para tanto, sugerimos desenvolver os passos se-

guintes: 

1

  Ao término dos trabalhos da Unidade 2, com a 



conclusão do projeto, proponha aos alunos que 

se reúnam em grupos para conversar sobre as ati-

Linguagem_Interacao_LP_V3_PNLD2018_415a432_MP_PE.indd   424

5/28/16   7:36 PM




MANUAL DO PROFESSOR

425


vidades que compõem seu dia a dia e os espaços 

públicos e privados nos quais tais atividades são 

realizadas: a casa, a escola, a igreja e outros am-

bientes públicos, como museus, shopping centers

lojas, cinemas, clubes desportivos, etc. 

2

  Oriente os grupos a listarem os lugares, o tipo de 



atividade realizada e a frequência com que essa 

atividade ocorre. 

3

  Ajude os alunos a compartilharem as listagens. 



Nesse momento, será observado que, relativamen-

te a cada lugar citado pelos grupos, haverá um 

conjunto de possíveis atividades desenvolvidas. 

4

  Para tornar esse trabalho “visual”, será interessan-



te localizar, em um mapa esquemático (a ser cons-

truído com o auxílio do professor de Geografia, se 

possível), os lugares citados. 

5

  Encarregue cada grupo de pesquisar um dos lugares 



citados, de modo que a classe toda se distribuirá nas 

pesquisas desses pontos. Nessa pesquisa, será fun-

damental: 

a)  conhecer um pouco a história do lugar pesqui-

sado;

b)  descobrir o perfil das pessoas que frequentam 



o local;

c)  saber com que frequência ele é visitado ou uti-

lizado pelos alunos da classe;

d)  descobrir que atividades se podem realizar nes-

se espaço. 

6

  A pesquisa poderá contar com:



a)  consulta a documentos públicos referentes ao 

lugar;


b)  entrevista concedida por pessoas que moram 

nesse espaço ou que trabalham nele ou se uti-

lizam dele de alguma forma;

c)  conversa com os responsáveis pela manutenção 

ou conservação do espaço. 

7

  Proponha aos alunos que apresentem aos demais o 



resultado das pesquisas. Cada grupo poderá orga-

nizar a apresentação da forma que lhe convier (por 

meio de encenação, exposição oral, produção de 

texto, montagem de painéis e pôsteres, etc.). O es-

sencial é combinar com os alunos que as informações 

pesquisadas e obtidas devem, necessariamente

fazer parte dessa apresentação. 

8

  Após a realização das apresentações, converse com 



a turma e, se considerar conveniente, proponha a 

eles a escrita coletiva, sob sua mediação, de um ar-

tigo de opinião sobre o tema dos circuitos da juven-

tude na cidade ou região dos alunos. 

9

  O artigo deve ser divulgado para os alunos de outras 



turmas e para a comunidade escolar em geral (por 

meio de um jornal da escola ou do bairro, um even-

to cultural na escola, um mural, etc.).

Esse estudo permitirá aos alunos reunir e praticar 

uma série de aprendizagens feitas nas aulas de Língua 

Portuguesa (desde a produção de textos até a síntese 

de pesquisas e informações). 

Para subsidiar teoricamente esse trabalho, você 

poderá consultar: MAGNANI, José Guilherme C.; 

SOUZA, Bruna Mantese (Org.). Jovens na metrópole: 




Baixar 39.74 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   265   266   267   268   269   270   271   272   273




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal