Portugues ling int vol3 pnld2018 capa al pr indd


chã  podem dar: o algodão, a mamona, a  pita



Baixar 39.74 Mb.
Pdf preview
Página170/273
Encontro07.02.2022
Tamanho39.74 Mb.
#21486
1   ...   166   167   168   169   170   171   172   173   ...   273
Linguagem Interacao 3 MP 0019P18013 PNLD2018
chã

 podem dar:

o algodão, a mamona,



pita

, o milho, o 

caroá

.

— Esses roçados o banco



já não quer financiar;

mas diga-me, retirante,

o que mais fazia lá?

— Melhor do que eu ninguém

sei combater, 

quiçá

,

tanta planta de rapina



que tenho visto por cá.

5

10



15

20

25



30

35

— Essas plantas de rapina



são tudo o que a terra dá;

diga-me ainda, compadre,

que mais fazia por lá?

— Tirei mandioca de chãs

que o vento vive a esfolar

e de outras 



escalavradas

pela seca faca solar.

— Isto aqui não é 

Vitória

nem é 


Glória do Goitá

;

e além da terra, me diga,



que mais sabe trabalhar?

— Sei também tratar de gado,

entre urtigas pastorear:

gado de comer do chão

ou de comer ramas no ar.

— Aqui não é 



Surubim

nem 


Limoeiro

, oxalá!


mas diga-me, retirante,

que mais fazia por lá?

— Em qualquer das cinco 

tachas

de um 


banguê

 sei cozinhar;

sei cuidar de uma 

moenda

,

de uma 



casa de purgar

.

— Com a vinda das usinas



há poucos engenhos já;

nada mais o retirante

aprendeu a fazer lá?

40

45



50

55

60



65

banguê:

 engenho de açúcar movido a força animal.



calva:

 parte de um terreno mais elevado e sem 

vegetação.

caroá:

 planta cujas folhas produzem uma fibra 

aproveitável na produção de cordas.

casa de purgar:

 local onde se purifica o caldo da 

cana.

chã:

 planície; área plana de terra.



escalavrado:

 esfolado, deteriorado, em ruínas.



Glória do Goitá, Limoeiro, Surubim 

e

 Vitória:

 

municípios pernambucanos.



moenda:

 conjunto de peças de um engenho que 

servem para moer ou triturar certos produtos.

pita:

 tipo de planta de região tropical.



quiçá:

 talvez.


tacha:

 tacho.


 Sugerimos que o trecho seja comentado oralmente. Alguns aspectos que podem ser enfatizados: a argu-

mentação e a contra-argumentação no diálogo; os recursos metafóricos utilizados pelo poeta; a rima, o ritmo. 

Mostre ainda que a compreensão do poema narrativo é muito mais fácil que a do poema anteriormente lido. 

Se puder, execute algumas das músicas do auto, que estão no CD homônimo distribuído pela Estação CD.

Linguagem_Interacao_LP_V3_PNLD2018_258a284_U4_C7.indd   267

26/05/16   10:19




268

CAPêTULO 7  CORRESPONDÊNCIA FORMAL ARGUMENTATIVA

— É, sim, uma profissão,

e a melhor de quantas há:

sou de toda a região

rezadora titular.

— E ainda se me permite

mais outra vez indagar:

é boa essa profissão

em que a comadre ora está?

— De um raio de muitas léguas

vem gente aqui me chamar;

a verdade é que não pude

queixar-me ainda de azar.

— E se pela última vez

me permite perguntar:

não existe outro trabalho

para mim nesse lugar?

— Como aqui a morte é tanta,

só é possível trabalhar

nessas profissões que fazem

da morte ofício ou 



bazar

.

Imagine que outra gente



de profissão similar,

farmacêuticos, coveiros,

doutor de anel no anular,

remando contra a corrente

da gente que baixa ao mar,

retirantes às avessas,

sobem do mar para cá.

110


115

120


125

130


— Ali ninguém aprendeu

outro ofício, ou aprenderá:

mas o sol, de sol a sol,

bem se aprende a suportar.

— Mas isso então será tudo

em que sabe trabalhar?

vamos, diga, retirante,

outras coisas saberá.

— Deseja mesmo saber

o que eu fazia por lá?

comer quando havia o quê

e, havendo ou não, trabalhar.

Essa vida por aqui

é coisa familiar;

mas diga-me retirante,

sabe 


benditos

 rezar?


sabe cantar 

excelências

,

defuntos encomendar?



sabe tirar ladainhas,

sabe mortos enterrar?

— Já velei muitos defuntos,

na serra é coisa vulgar

mas nunca aprendi as rezas,

sei somente acompanhar.

— Pois se o compadre soubesse

rezar ou mesmo cantar,

trabalhávamos a meias,

que a freguesia bem dá.

— Agora se me permite

minha vez de perguntar:

como senhora, comadre,

pode manter o seu lar?

— Vou explicar rapidamente,

logo compreenderá:

como aqui a morte é tanta,

vivo de a morte ajudar.

— E ainda se me permite

que lhe volte a perguntar:

é aqui uma profissão

trabalho tão singular?

70

75

80



85

90

95



100

105



Baixar 39.74 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   166   167   168   169   170   171   172   173   ...   273




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal