Portugues ling int vol3 pnld2018 capa al pr indd



Baixar 39.74 Mb.
Pdf preview
Página154/273
Encontro07.02.2022
Tamanho39.74 Mb.
#21486
1   ...   150   151   152   153   154   155   156   157   ...   273
Linguagem Interacao 3 MP 0019P18013 PNLD2018
posto que

 é chama


Mas que seja infinito enquanto dure.

MORAIS, Vinícius de. Antologia poética.  

Rio de Janeiro: Editora do Autor, 1960. p. 96.

 

 Solicite aos alunos que expressem sua reação ao ler Soneto de fidelidade e a justifiquem. Peça então que comentem o poema, 



conduzindo o destaque para alguns aspectos: o fato de ser um soneto; o ritmo do poema; a ênfase conseguida pelo polissíndeto 

do segundo verso; a atitude reflexiva diante do amor. A respeito da segunda estrofe, comente a dependência do estado do eu 

lírico à variação do sentimento amoroso; trate do conceito de “amor eterno” expresso pelo poema (na última estrofe), ou seja, 

um “eterno” que diz mais respeito à intensidade que ao tempo, este relativizado pela intensidade da “chama”. Extrapole a con-

versa para a questão dos relacionamentos amorosos em sua plenitude e em sua duração.

5

10



Vin’cius de Morais

 (1913-1980) nasceu e morreu no Rio de Janeiro. 

Formado em Letras e Direito, ingressou cedo na carreira diplomáti-

ca, abandonada posteriormente em favor da literatura e da música 

popular. Está entre os autores mais conhecidos e admirados nes-

sas duas áreas.

Poesia:  O caminho para a distância (1933), Forma e exegese 

(1935),  Ariana, a mulher (1936), Novos poemas (1938), Cinco 



elegias (1943), Poemas, sonetos e baladas (1946), Livro de sone-

tos (1957), O mergulhador (1965), A arca de Noé (1970). Prosa: 

O amor dos homens (1960), Para viver um grande amor (1962) e 

Para uma menina com uma flor (1966). Teatro: Orfeu da Conceição 

(1955), Pobre menina rica (1962) — em parceria com Carlos Lyra.

S

ol

an



Jo



/A

nc



ia 

Es

tad



o

Assim como praticamente todos os escritores da segunda fase modernista, 

Vinícius de Morais preocupou-se também com o seu momento histórico, mar-

cado por acontecimentos que mudariam muito a vida de todos, como a Segunda 

Guerra Mundial. Em 6 de agosto de 1945, a cidade de Hiroxima foi devastada com 

a primeira bomba atômica jogada sobre uma região povoada. E o poeta expressou 

essa dor em sua obra. 

Andrea Eber

t/Arqui

vo da ediotra




Baixar 39.74 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   150   151   152   153   154   155   156   157   ...   273




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal