Pnld2021 Humanitasdoc vainfas V3 001a256 pr 001. pdf


ORIENTAÇÕES ESPECÍFICAS |



Baixar 50.75 Mb.
Pdf preview
Página284/334
Encontro11.07.2022
Tamanho50.75 Mb.
#24207
1   ...   280   281   282   283   284   285   286   287   ...   334
Humanitas.doc - Volume 3
ORIENTAÇÕES ESPECÍFICAS |
219
parte mais feia da cidade; quase sempre, uma longa fila de 
construções de tijolos, de um ou dois andares, eventualmen-
te com porões habitados e em geral dispostas de maneira ir-
regular. Essas pequenas casas de três ou quatro cômodos e 
cozinha chamam-se cottages e normalmente constituem em 
toda a Inglaterra, exceto em alguns bairros de Londres, a ha-
bitação da classe operária. Habitualmente, as ruas não são 
planas nem calçadas, são sujas, tomadas por detritos vegetais 
e animais, sem esgotos ou canais de escoamento, cheias de 
charcos estagnados e fétidos. A ventilação na área é precária, 
dada a estrutura irregular do bairro e, como nesses espaços 
restritos vivem muitas pessoas, é fácil imaginar a qualidade 
do ar que se respira nessas zonas operárias – onde, ademais, 
quando faz bom tempo, as ruas servem aos varais que, esten-
didos de uma casa a outra, são usados para secar a roupa.
ENGELS, Friedrich. A situação da classe trabalhadora na Inglaterra. São 
Paulo: Boitempo, 2010. p. 69.
Para encerrar esse tema, proponha um breve debate 
a respeito das reformas urbanas empreendidas nas gran-
des cidades industriais do mundo durante a segunda me-
tade do século XIX e o início do século XX. Explique as 
razões pelas quais essas reformas buscavam modernizar 
as áreas mais centrais das cidades, estimulando o olhar 
crítico dos estudantes ao evidenciar o caráter higienista 
e estético por trás dos planos de intervenções urbanas. 
Comente que esses modelos europeus também foram, 
em alguma medida, empreendidos no Brasil, em cidades 
como São Paulo, Santos e Rio de Janeiro, por meio das 
reformas urbanas propostas por Pereira Passos e Saturnino 
de Brito durante as primeiras décadas do século XX.
Questões em foco: O urbano sob 
outros olhares 
p. 68
Resposta pessoal.
Discuta com os estudantes como a desigualdade social 
se manifesta no uso dos espaços urbanos. Destaque como 
o racismo e o preconceito agem no cerceamento do direi-
to à cidade de grupos marginalizados. Esclareça que o con-
ceito de marginalidade aqui não se refere à criminalidade, 
mas sim ao fato de esses indivíduos serem obrigados a viver 
à margem da sociedade. Permita que os jovens exponham 
suas vivências e percepções, estimulando-os a trazer para 
sala de aula fotografias que retratam a segregação socioes-
pacial no lugar em que vivem. A atividade desenvolve as 
CG7 e CG9 e as habilidades EM13CHS103, EM13CHS201, 
EM13CHS205 e EM13CHS303.
O processo de urbanização no 
mundo e no Brasil: tendências 
p. 71

Baixar 50.75 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   280   281   282   283   284   285   286   287   ...   334




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal