Pnld2021 Humanitasdoc vainfas V3 001a256 pr 001. pdf


M U D A N Ç A S N A E S T R U T U R A E TÁ R I A



Baixar 50.75 Mb.
Pdf preview
Página180/334
Encontro11.07.2022
Tamanho50.75 Mb.
#24207
1   ...   176   177   178   179   180   181   182   183   ...   334
Humanitas.doc - Volume 3
M U D A N Ç A S N A E S T R U T U R A E TÁ R I A
D A P O P U L A Ç Ã O M U N D I A L
Os eventos demográficos não atingem igual-
mente as pessoas. Nascimentos, óbitos e migra-
ções são mais frequentes em determinados grupos 
do que em outros. Por exemplo, uma população 
com elevada proporção de idosos tende a apre-
sentar alta taxa bruta de óbitos, mesmo em países 
desenvolvidos. Sendo assim, óbitos, nascimentos e 
migrações são influenciados pela estrutura da po-
pulação por sexo e idade.
A estrutura por sexo e idade que uma população 
apresenta no presente é resultado dos eventos de óbi-
tos, nascimentos e migrações que ocorreram no pas-
sado. Portanto, os acontecimentos pretéritos deixam 
marcas na estrutura populacional de uma sociedade. 
Por exemplo, em contextos de guerras, há grande nú-
mero de óbitos, especialmente na população de sexo 
masculino, bem como queda nas taxas de fecundi-
dade. Décadas depois, a população afetada terá um 
quantitativo menor de homens idosos em sua pirâmi-
de etária.
TEORIA DA TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA
No século XX foi observada uma série de modifica-
ções na estrutura etária das populações, primeira-
mente nos países desenvolvidos. As taxas de morta-
lidade e natalidade foram gradativamente reduzidas
em função do desenvolvimento econômico e social 
gerado pelo processo de modernização. Isso alterou 
o ritmo de crescimento populacional.
Esse novo cenário levou o sociólogo estadunidense
Warren Thompson (1887-1973) a contestar a teoria 
malthusiana e criar, em 1929, a teoria da transição 
demográfica, elaborada no decorrer das primeiras 
décadas do século XX. O processo identificado pela 
teoria teve início nos países da Europa e atualmente 
tem se confirmado em diversos outros países.
A transição demográfica não acontece de forma 
homogênea no espaço e no tempo. Isso porque ela 
está associada e condicionada ao desenvolvimento 
econômico e à modernização. Assim, cada país apre-
senta uma dinâmica de transição demográfica espe-
cífica. Sua ocorrência se dá por etapas, conforme a 
difusão dos hábitos modernos, da urbanização e da 
industrialização nas sociedades.
A política de planejamento familiar foi 
estimulada em diversos países pelo 
Banco Mundial e pelo Fundo Monetário 
Internacional (FMI). Em vez de reduzir 
a pobreza e a desigualdade, por meio da 
expansão do acesso a serviços públicos, 
o que se viu foi o controle em massa 
da fecundidade nas populações mais 
vulneráveis economicamente, como 
aponta a charge de Henfil (1944-1988).
Henfil/Acervo do cartunista
139
V3_CIE_HUM_Vainfas_g21Sa_Cap6_126a151_LA.indd 139
9/27/20 1:06 PM



Baixar 50.75 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   176   177   178   179   180   181   182   183   ...   334




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal