Pesquisa incluída no fim de cada capítulo: assistir, ouvir, ler, contemplar e percorrer os sites indicados, sem limitações à curiosidade. Entretanto, é na página Ação



Baixar 4.71 Mb.
Pdf preview
Página46/353
Encontro16.07.2022
Tamanho4.71 Mb.
#24280
1   ...   42   43   44   45   46   47   48   49   ...   353
Arte - Volume único
Monte
Olimpo
Macedônia
Ática
M a r M e d i t e r r â n e o
km 
0
260
Grécia
Colonização
Mundo helênico
Adaptado de: 
Atlas of World History. London: Dorling Kindersley, 2005.
Allmaps/Arqui
v
o da 
editora
O mundo grego (até século V a.C.)
Arte_vu_PNLD2015_U1C6_072a085.indd 73
6/17/13 10:17 AM


74
A civilização egeia
Os primeiros habitantes da Grécia eram agricultores e pastores 
que viviam entre as montanhas e o mar. Este permitia ligação entre 
os povos que viviam nas ilhas e os do continente. Através do mar 
era possível alcançar o Egito e as civilizações do Oriente Próximo. 
Duas culturas podem ser destacadas entre os diferentes povos 
que habitaram a região: os minoicos e os micênicos. 
Os minoicos se estabeleceram na ilha de Creta por volta de 
2000 a.C., cujo sítio arqueológico mais importante são as ruínas 
de uma grande construção (chamada de palácio) encontrada em 
Cnossos. Consiste num complexo de edifícios que circundam um 
grande pátio. Formado por centenas de pequenos cômodos, o pa-
lácio não era grandioso como os templos egípcios. 
Ilustração representando o palácio de 
Cnossos, em Creta, 2000 a.C., reconstruído 
em 1700 a.C. e em 1450 a.C.
Os terraços e salas maiores desse con-
junto arquitetônico eram sustentados 
por colunas cilíndricas de madeira pin-
tadas em cores fortes. Alguns cômodos 
eram residenciais; outros podiam ser 
usados como santuários. A complexi-
dade dessa construção, que entremea-
va pequenos pátios e aposentos conec-
tados por escadas e corredores, pode 
ter sido responsável pela lenda sobre 
o labirinto de Creta.
Afresco do touro saltando, Cnossos, Creta. 
1550 a.C.-1450 a.C. Museu Heráklion, 
Creta, Grécia.
Nas paredes do palácio de Cnossos 
foram encontrados fragmentos de 
afrescos. Neste, que possivelmente 
representa um ritual de iniciação ou de 
fertilidade, três jovens fazem acroba-
cias ao redor de um enorme touro que, 
em galope, parece até voar.
De Agostini/Getty Images
AFP/Other Images/Museu Heraklion, Creta, Grécia.
Arte_vu_PNLD2015_U1C6_072a085.indd 74
6/17/13 10:17 AM


| CApÍtulo 6 | GRÉCIA |
75
Os minoicos produziam jarros de cerâmica 
para armazenar óleo e vinho, além de belos 
vasos decorados – com frequência utilizando 
motivos marinhos – para servir esses produtos 
em cerimônias. Também fabricavam refinados 
objetos de ouro martelado ou moldado com a 
técnica de cera perdida (Capítulo 8). É nas pin-
turas das paredes do palácio, no entanto, que a 
arte minoica revela sua elegância (foto da pági-
na ao lado).
Por volta de 1500 a.C., uma grande erupção 
vulcânica fez desaparecer parte da ilha hoje 
chamada Santorini. A catástrofe, que causou 
enorme devastação em toda a região mediter-
rânea, pode ter sido responsável pelo súbito de-
clínio da civilização minoica.
Os micênicos, que se estabeleceram na pe-
nínsula do Peloponeso por volta de 1700 a.C., 
eram um povo guerreiro. Seus mortos eram se-
pultados vestindo roupas cerimoniais e acom-
panhados de armas e objetos de ouro, indican-
do sua riqueza e poder. Nos sítios arqueológicos 
dessa civilização foram encontradas mais de 
cem tumbas. 
O período que vai de 1100 a.C. a 900 a.C. foi 
marcado por grande instabilidade política e 
econômica em toda a região e pelo declínio da 
civilização micênica.
TEMAS INTERDISCIPLINARES
ARTE E LITERATURA
.. 

Baixar 4.71 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   42   43   44   45   46   47   48   49   ...   353




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal