Pedagogica indd



Baixar 107.51 Kb.
Pdf preview
Página1/12
Encontro13.12.2019
Tamanho107.51 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   12


ENTRE IMAGENS: EDUCAÇÃO,MEMÓRIA 

E IMAGINAÇÃO

*

Neusa Maria Mendes de Gusmão

1

Resumo: O presente texto discute a questão da imagem cinematográfica 

e outros tipos de imagens como linguagem que em uso na prática 

pedagógica potencializa o processo de aprendizagem. Nesse sentido, o 

diálogo entre educação, memória e imaginação se faz como parte do relato 

de uma experiência docente particular e possibilita o debate em torno da 

capacidade de imaginação, da criação, na arte, na educação, na própria vida.



alavras-chave: Educação. Imagem. Aprendizagem. Imaginação.

Abstract: This paper discusses the cinematic image and other images as 

a language that enhances the learning process into pedagogical practice. 

In this sense, the dialogue between education, memory and imagination 

is made as a part of the report of a particular teaching experience and 

enables a debate about the capacity of imagination and creativity, within 

art, education and life itself. 

Keywords: Education. Image. Learning. Imagination.



ENTRE IMAGENS: EDUCAÇÃO, MEMÓRIA E IMAGINAÇÃO

NEUSA MARIA MENDES DE GUSMÃO 

Revista Pedagógica - UNOCHAPECÓ - Ano 14 - n. 26 vol.01 - jan/jun 2011

18

O convite para participar de uma mesa redonda juntamente 



com um cineasta durante seminário realizado em Criciúma (SC) 

colocou-me diante do desafio de competir com o poder de sedução 

de um mestre na arte da imagem e da imaginação. Um artífice que 

tem como prioridade de seu fazer a fantasia, mas, sobretudo, a 

imaginação ligada à filmografia e à história, campo por excelência 

da memória. Nesse desafio, lembrei-me de um texto de Milton 

José de Almeida, em que o autor afirma que: “As imagens do 

cinema e da televisão governam a educação visual contemporânea 

e, em estética e política, reconstroem, à sua maneira, a história dos 

homens e sociedades.” (ALMEIDA, 1999, p. 9).

Penso que essa seja a questão principal que diz respeito ao 

uso de imagens na educação e que, no sentido da educação 

visual, foram imagens do cinema as artífices de minha própria 

história pessoal e profissional. Retomo aqui parte de minha 

trajetória e memória com relação à imagem e ao cinema, para 

com esse mote estabelecer o diálogo sobre educação, memória e 

imaginação. Parto do princípio que: 

O cinema participa, em passado e atualidade da educação 

misteriosa de nossa memória, nas imagens que habitam 

nossos locais interiores mais profundos onde o corpo e 

a psique confrontam-se em reminiscência e recordação 

(ALMEIDA, 1999, p. 23).






Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   12


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal