Para Patricia a paisagem dos Fundos de Vale em Limeira: Uso e Qualidade Urbana



Baixar 8.85 Mb.
Página1/8
Encontro16.03.2020
Tamanho8.85 Mb.
  1   2   3   4   5   6   7   8

As Dinâmicas dos Fundos de Vale: Ribeirão Tatu em Limeira - SP

CONSTANTINO, N. R. T. ; AZEVEDO, P. C.


► As relações comerciais são parte integrante da existência das cidades (SENNETT, 1988, p.58) ►mostrando como o espaço público é marcado e moldado por relações comerciais que foram mudando ao longo do tempo;

► Para Dimenstein e Scocuglia (2017, p. 418) o espaço público tem uma “dimensão de lugar de conflito e dissenso, de encontro com o outro, da alteridade e da diversidade, mas também a dimensão de convivialidade, de urbanidade no sentido urbanístico de espaços livres abertos, de visibilidade e acessibilidade irrestritos”;

Incorporando o aspecto social, mostrando que esse encontro com realidades diferentes é o que caracteriza o espaço público;

ESPAÇO PÚBLICO

Espaços Públicos em Berlim, 2018. Fonte: Acervo Norma Constantino

► Derivação da cultura humana no espaço;

► Artefato construído pelo homem sobre uma natureza existente, revelando-se como bem coletivo que se manifesta sobre o território físico/funcional (BESSE, 2014; TARDIN, 2010);

A paisagem não é só um conjunto de ambientes organizados coletivamente pelos homens, é também uma sucessão de rastros, de traços que se superpõem no solo. Estes traços da história do lugar devem ser levados em conta ao analisar alternativas projetuais para a requalificação de áreas inseridas na paisagem urbana (BESSE, 2014).

► “O valor paisagístico de um lugar não é considerado unicamente do ponto de vista estético [...] é considerado mais em relação à soma das experimentações, dos costumes, das práticas desenvolvidos por um grupo humano nesse lugar” (BESSE, 2014, p.27);



PAISAGEM

“Paisagem designa uma parte do território, tal como é percebida pelas populações e cujo caráter resulta da ação de fatores naturais e/ou humanos e das suas inter-relações” (CONVENÇÃO EUROPEIA DA PAISAGEM, 2000).

► Os rios sempre tiveram uma relação intrínseca com a cidade (COY, 2014);

► A história dos rios “corresponde, em grande escala, à história das suas cidades: pontos de passagem, lugares de encontro, centros de intercâmbio, locais de proteção” (COY, 2014, p.1);

► As áreas de fundo de vale vêm sofrendo degradação através do desmatamento de matas ciliares, invasão dos leitos dos rios, despejo de resíduos, entre outras ações nocivas (HERZOG, 2008), causando alterações significativas nos ambientes naturais dos corpos d’água em meio urbano;




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal