Os Contos indd 1 08/11/18 10: 17



Baixar 152 Kb.
Pdf preview
Página14/17
Encontro01.04.2021
Tamanho152 Kb.
1   ...   9   10   11   12   13   14   15   16   17
31

Antes do Baile Verde

Olhei para sua pasta na cadeira e adivinhei a surpresa. Senti 

meu coração se fechar como uma concha. A dor era quase física. 

Olhei para ele. Você escreveu um romance. É isso? Os originais es-

tão na pasta… É isso?

Ele então abriu a pasta.

14555 - Os Contos.indd   31

08/11/18   10:17




32

Lygia Fagundes Telles

Apenas um Saxofone

Anoiteceu e faz frio. “Merde! voilà l’hiver é o verso que se-

gundo Xenofonte cabe dizer agora. Aprendi com ele que palavrão 

em boca de mulher é como lesma em corola de rosa. Sou mulher

logo, só posso dizer palavrão em língua estrangeira, se possível, fa-

zendo parte de um poema. Então as pessoas em redor poderão ver 

como sou autêntica e ao mesmo tempo erudita. Uma puta erudita, 

tão erudita que se quisesse podia dizer as piores bandalheiras em 

grego antigo, o Xenofonte sabe grego antigo. E a lesma ficaria irre-

conhecível como convém a uma lesma numa corola de quarenta e 

quatro anos. Quarenta e quatro anos e cinco meses, meu Jesus. Foi 

rápido, não? Rápido. Mais seis anos e terei meio século, tenho pen-

sado muito nisso e sinto o próprio frio secular que vem do assoalho 

e se infiltra no tapete. Meu tapete é persa, todos meus tapetes são 

persas mas não sei o que fazem esses bastardos que não impedem 

que o frio se instale na sala. Fazia menos frio no nosso quarto, com 

as paredes forradas de estopa e o tapetinho de juta no chão, ele 

mesmo forrou as paredes e pregou retratos de antepassados e gra-

vuras da Virgem de Fra Angelico, tinha paixão por Fra Angelico.

Onde agora? Onde? Podia mandar acender a lareira mas des-

pedi o copeiro, a arrumadeira, o cozinheiro — despedi um por um

me deu um desespero e mandei a corja toda embora, rua, rua! Fi-

quei só. Há lenha em algum lugar da casa mas não é só riscar o 

fósforo e tocar na lenha como se vê no cinema, o japonês ficava ho-

ras aí mexendo, soprando até o fogo acender. E eu mal tenho for-

ças para acender o cigarro. Estou aqui sentada faz não sei quanto 

tempo. Desliguei o telefone, me enrolei na manta, trouxe a garrafa 

de uísque e estou aqui bebendo bem devagarinho para não ficar 

14555 - Os Contos.indd   32

08/11/18   10:17



1   ...   9   10   11   12   13   14   15   16   17


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal