Olá Estudante, seja muito bem-vindo(a)!


AUTONOMIA PARA UM ESTILO DE VIDA ATIVO



Baixar 27.67 Mb.
Pdf preview
Página327/332
Encontro10.08.2021
Tamanho27.67 Mb.
1   ...   324   325   326   327   328   329   330   331   332
AUTONOMIA PARA UM ESTILO DE VIDA ATIVO
É um fato legítimo as pessoas relacionarem as aulas de Educação Física à prática de atividade física, 
muito provavelmente porque é a disciplina que tem como princípio norteador o corpo em movimento. 
Vivemos hoje, nas grandes cidades, um momento em que crianças e adolescentes passam horas presas 
dentro de casa em virtude da violência urbana, e por isso a Educação Física ganha nova importância 
social: estimular a prática da atividade física para combater o sedentarismo dos tempos modernos.
Como consequência, um dos mais relevantes papéis da Educação Física é, então, estimular o aluno à 
prática da atividade física regular, inclusive fora da escola. Assim, essa disciplina atinge um de seus 
principais objetivos quando, ao final do ensino médio, o aluno sai preparado para continuar sozinho a 
prática de atividade física. Isso nós chamamos de “autonomia”.
Esse fator é tão relevante que o principal documento do Ministério da Educação, no que se refere à Edu-
cação Física, descreve dessa forma a autonomia como objetivo: “Assumir uma postura ativa, na prática 
de atividades físicas, e conscientes da importância delas na vida do cidadão.”


296
Grupo de ciclistas pedalam pela ciclovia da cidade. Um exemplo clássico de prática de exercício físico de forma autônoma e colaborativa 
para socialização das pessoas. Disponível em: . Acesso em: 17 mai. 2021.
Continuando a linha de raciocínio, ser preparado para a prática autônoma significa fazer a prática cons-
cientemente. Para isso, existem alguns elementos que são importantes para que essa prática seja feita 
de modo apropriado. A primeira providência é compreender o que é atividade física: trata-se de qual-
quer prática corporal, que feita de modo regular, fornece a sensação de bem-estar, permite a melhora 
e/ou manutenção da saúde, além de prevenir uma série de doenças relacionadas ao sedentarismo tais 
como: hipertensão, diabetes, infartos coronarianos, etc. 
A segunda é compreender que as atividades físicas são classificadas em dois grupos: o de atividades 
aeróbias e o das anaeróbias. Atividades anaeróbias são caracterizadas por serem de curta duração e 
de alta intensidade, como a musculação, as corridas de curta distância e as provas de 50m e 100m de 
natação. Já as aeróbias são aquelas em que a intensidade não é tão forte e têm duração mais longa. A 
caminhada, a corrida de longa distância e a maratona aquática são exemplos desse tipo de atividade. 
Os dois tipos de atividade são importantes para o indivíduo porque as atividades aeróbias melhoram as 
capacidades cardíaca e respiratória, enquanto as atividades anaeróbias promovem aumento da força e 
da massa muscular.
Outro fator é que o aluno deve ter consciência de que antes de fazer uma atividade física, ele deve fazer 
um aquecimento e, após o término, uma atividade de volta à calma. A função do aquecimento é “avisar” 
ao seu corpo que ele irá movimentar-se além do normal, e isso deve ser feito por meio de atividades 
moderadas, que devem unir alongamentos e caminhadas e/ou corridas de baixa intensidade. Essas ati-
vidades fazem com que o aluno “fique com calor”, pois promovem uma pequena aceleração do seu ba-
timento cardíaco. A volta à calma, por sua vez, tem a função inversa: desacelerar o batimento cardíaco 
que foi aumentado durante a prática de exercícios físicos. Devem ser feitas atividades de caminhada 
leve, relaxamento e/ou alongamento.
Agora que você já sabe como deve se portar perante o exercício, não há mais desculpas para o seden-
tarismo: faça as aulas de Educação Física na escola e procure alguma atividade física para praticar fora 
da escola, algo que você goste e sinta prazer em fazer. Aproveite também o potencial de socialização 
dessas atividades para se divertir com amigos em jogos de Futebol, Vôlei ou outro esporte coletivo ou 
ainda para conhecer novas pessoas em pistas de corrida, caminhada, ciclismo ou academias de ginás-
tica. Você terá uma vida muito saudável e prazerosa.
Adaptado de RONDINELLI, Paula. “Autonomia para um estilo de vida ativo”; Brasil Escola. Disponível em: br/educacao-fisica/autonomia-para-um-estilo-vida-ativo.htm>. Acesso em: 16 mai. 2021.


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   324   325   326   327   328   329   330   331   332


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal