Olá Estudante, seja muito bem-vindo(a)!



Baixar 27.67 Mb.
Pdf preview
Página108/332
Encontro10.08.2021
Tamanho27.67 Mb.
#16739
1   ...   104   105   106   107   108   109   110   111   ...   332
EM 3ano V3 PF
CONTEÚDOS RELACIONADOS: 
Carga elétrica, Campo elétrico, Potencial elétrico, Corrente elétrica.
TEMA: Circuitos Elétricos
Caro(a) estudante, nesta semana iremos compreender como se constrói um circuito elétrico bem como 
os dispositivos necessários para o seu funcionamento.
CIRCUITOS ELÉTRICOS
Como vimos na semana anterior, o gerador (pilhas, baterias e etc.) estabelece um campo elétrico no 
interior do fio a ele conectado, fazendo com que a corrente elétrica o percorra. O fluxo da corrente irá 
permanecer enquanto houver diferença de potencial entre os extremos da pilha. Para manter esta dife-
rença de potencial, assim que as cargas chegam a um extremo da pilha, o polo (-) da corrente conven-
cional, por exemplo, as forças das reações químicas as transportam para o polo (+) e o ciclo recomeça.
Em geral são ligados ao gerador os fios por onde passarão as cargas e a eles alguns dispositivos elétri-
cos aos quais as cargas entregam a energia necessária para funcionarem. Em seguida elas retornam ao 
fio percorrendo-o até que completem seu caminho retornando ao gerador.
Para que a corrente percorra o circuito ele precisa estar fechado, isto é, não deverá haver interrupções 
no caminho entre os fios condutores e os diferentes componentes daquele circuito. Caso o circuito 
esteja aberto, não haverá fluxo de corrente.


110
Ilustração: Júnia Arnaut
O valor da diferença de potencial elétrico entre os polos A e B da pilha será chamada de tensão ou ddp 
(diferença de potencial) e será medida em Volts, sendo calculada pela equação:
𝑉𝑉
"#
=
𝑇𝑇
"#
𝑞𝑞
A unidade da ddp significa que para se deslocar uma carga de 1 C de um ponto A até outro B, as forças 
do campo elétrico realizam um trabalho de 1 J sobre cada Coulomb de carga.
Representação esquemática da bateria em um circuito:
Representação esquemática de um circuito com chave aberta e fechada:
Disponível em: . Acesso em: 29 abr. 2021.
A corrente varia dependendo da ddp aplicada ao circuito. Se ligarmos duas pilhas idênticas ao invés de 
uma, a ddp sobre o circuito irá dobrar. Pois bem, se medirmos a corrente deste circuito iremos notar 
que ela irá dobrar também. Isto garante que a ddp e a corrente são diretamente proporcionais. Depen-
dendo das características do fio condutor, tais como sua forma, seu comprimento, espessura, material, 
teríamos também mudanças no valor da corrente medida no condutor. Assim, começou-se a notar que 
os dispositivos ligados a um circuito também modificaram a corrente que circula por ele, pois oferecem 
resistência à passagem da corrente elétrica. 
Podemos associar várias pilhas em um mesmo circuito, basta que façamos uma sequência em que o 
polo positivo da primeira esteja ligado no negativo da próxima e assim por diante. Desta forma estaría-
mos somando duas ddp´s e aumentando a energia que entra no circuito.


111

Baixar 27.67 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   104   105   106   107   108   109   110   111   ...   332




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal