O surrealismo e o ensino de arte


VIDA E OBRA DE ISMAEL NERY



Baixar 77.95 Kb.
Página8/16
Encontro17.03.2020
Tamanho77.95 Kb.
1   ...   4   5   6   7   8   9   10   11   ...   16
VIDA E OBRA DE ISMAEL NERY
Nascido em Belém (Brasil), em 09 de outubro de 1900, conhecido como Ismael Nery, viveu a maior parte de sua vida no Rio de Janeiro, segundo Imbroisi (2016). De acordo com Morais (2017), Nery era filho de Marieta Macieira Nery e de Ismael de Senno Ribeiro Nery, eram descendentes de portugueses, holandeses e índios.

Segundo Morais (2017), os pais casaram por volta de 1899, a mãe de Ismael Nery era de família católica, seu pai era médico e obteve seu Doutorado pela Escola de Medicina do Rio de Janeiro, e veio se tornar Segundo Tenente Médico da Marinha Brasileira em 1902. Seus pais tiveram dois filhos, João Vicente e Ismael, e isso gerou grandes mudanças vieram em 1909, se estabelecer no Rio de Janeiro.

De acordo com Imbroisi (2016), em 1917 Ismael ingressou na Escola Nacional de Belas Artes, e no ano de 1920 visando para Europa, em Paris frequentou a Academia de Julien, e foi através da academia que expressou um do seu primeiro movimento cubista, quando voltou da Europa.

De acordo com Imbrosi (2016), casa – se com a poetisa Adalgisa Nery, musa de suas principais pinturas. Para Cordeiro (2010), Nery volta em 1927 para Paris, com sua mulher e seu primeiro filho, nesta época ele possuía muitos contatos com os artistas do movimento surrealista, Breton o qual comandava o movimento, assim como Lobo, Dogn, Miró e Chagall. Chagall teve uma série de obras onírico e flutuantes junto com Nery, que foram denominadas de Chagalliana. De acordo com Cordeiro (2010), esta fase vai entre 1927 a 1933, quando o artista já está bastante debilitado e começa a deixar de pintar e desenhar.

Segundo Cordeiro (2010), Nery em seus últimos anos de sua vida, após a descoberta da tuberculose, quando passa a residi em um sanatório, trabalhou cada vez mais através dos desenhos. Nesta fase dos desenhos surrealistas de acordo com Cordeiro (2010) é um dos momentos dele, assim como Frida, que precrutará o seu corpo até as entranhas, pois suas vísceras exploravam tanta dor, que não havia mistério dentro da anatomia humana.

Para Cordeiro (2010), o movimento surrealista foi a última fase de produção de Ismael Nery, foi considerado ao lado de Amaral e Dias, um dos primeiros representantes do movimento no Brasil. Que por suas obras podendo ter sido marcadas e tão intensas, por vivencias o período de duas Guerras Mundiais, mais que vieram a agregar em seu talento.

Segundo Morais (2017), Ismael Nery veio a falecer em 6 de abril de 1934, com trinta e três anos de idade. Mas a sua história não parou aí, pois todos os artistas os quais conheceu durante seu trabalho, espalharam suas obras, agregando ainda mais sua história de vida e obras que criou.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   4   5   6   7   8   9   10   11   ...   16


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal