O miocárdio Não-Compactado (mnc) foi descrito aparentemente pela primeira vez por Grant em 1926.



Baixar 37.89 Kb.
Página1/4
Encontro21.08.2021
Tamanho37.89 Kb.
  1   2   3   4

INTRODUÇÃO

O Miocárdio Não-Compactado (MNC) foi descrito aparentemente pela primeira vez por Grant em 1926.(1) Desde então, a doença recebeu diferentes denominações na literatura: miocárdio em esponja, hipertrabeculação do ventrículo esquerdo (VE) ou ainda trabeculação isolada anormal do VE.(2) Durante o desenvolvimento embriológico normal, o processo de compactação trabecular ocorre entre a 12ª e 18º semanas de gestação. Esse processo ocorre inicialmente na base do coração e evolui progressivamente em direção ao ápice. Nos casos de MNC, a compactação miocárdica não ocorre adequadamente por razões ainda desconhecidas.(3)

Esta cardiomiopatia congênita é caracterizada pela presença de trabeculações anormais no VE, mais comumente no ápice, e pode estar associada a dilatação ou hipertrofia do VE, disfunção sistólica e/ou diastólica, ou ainda cardiopatias congênitas. A incidência e prevalência reais são desconhecidas, embora o MNC seja considerado raro por alguns especialistas.(3,4) Nos últimos anos, o maior conhecimento da doença e o refinamento das técnicas de diagnóstico por imagem determinaram um aumento no número de casos entre indivíduos jovens e assintomáticos, incluindo atletas.(5) O objetivo do presente estudo é descrever o caso de uma paratleta de goalball com MNC.




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal