Nsds guidelines resumo



Baixar 343.24 Kb.
Página64/174
Encontro30.06.2021
Tamanho343.24 Kb.
1   ...   60   61   62   63   64   65   66   67   ...   174
Em prática

A preparação para a avaliação global requer uma análise exaustiva da documentação existente e revisão das constatações das avaliações anteriores. Muito poucos são os países que estarão a começara planificação estratégica do zero (alguns países estão a elaborar a ENDE pela segunda vez) e o objectivo será o de melhorar o sistema nacional de estatística existente.


A avaliação começará com a revisãodos documentos das políticas para identificar áreas importantes e indicadores necessários. Estes documentos provavelmente incluirão quadro de políticas de desenvolvimento nacional e as suas revisões (tais como redução da pobreza e estratégias sectoriais), bem como documentos de políticas de desenvolvimento sub-regionais e internacionais (tais como Declaração do Milénio e relatórios dos ODMs). Pode também ser adequado nesta fase ler documentos de políticas nacionais de potenciais doadores.
A análise de todos os documentos relevantes, incluindo relatórios existentes sobre a situação estatística, providenciará uma imagem geral do desenvolvimento estatístico do país. Quaisquer análises proveitosas da ENDE devem ser levadas em consideração e assumidas pelo país.  

 

 

 

1. Avaliando resultados estatísticos



  

Os resultados existentes e os já planificados do SNE serão avaliados. Cada resultado principal deverá ser avaliado de acordo com os critérios acordados, por exemplo, usando quadros existentes tais como DQAF (Quadro de Avaliação da Qualidade de Dados). 

 

O Sistema Geral de Divulgação de Dados (GDDS) jogará um papel importante no centro da ENDE na maioria dos países. Um grande número de países em todas as regiões estão actualmente a participar no GDDS sendo que já passaram por muitos passos que são necessários para desenvolver uma abordagem estratégica para desenvolver estatísticas. Na verdade, para aqueles que já estão comprometidos com o GDDS, este quadro é uma imposição. Os países que ainda não são parte do sistema o GDDS seria um importante passo inicial. 



 

 

De modo a avaliar o resultado estatístico, teria de se considerar as seguintes questões:



  • que estatísticas estão disponíveis (inventário), as suas fontes e com que rapidez as mesmas são postas a dispozição dos usuários (publicação e políticas e processos de divulgação);

  • A qualidade de estatísticas e como elas são produzidas (processos de produção, métodos e procedimentos, uso de padrões internacionais, constrangimentos e problemas) e processadas, analisadas e arquivadas (políticas das TI, base de dados);

  • A possível melhoria da gestão do sistema de dados para facilitar a produção de dados eficientes; isto é, reduzir a duplicação de esforços e preencher as lacunas no sistema;

  • Será que existem definições claras de todos os dados produzidos? Estão eles arquivados de modo que possam ser acessados por todos os usuários relevantes em todo SNE e fora do mesmo? Será que o sistema produz um conjunto de indicadores adequados para avaliar o desempenho do sector?

  • Será que as políticas de divulgação e planos para a produção de estatísticas existentes são adequadas?

 



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   60   61   62   63   64   65   66   67   ...   174


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal