Microsoft Word Gestão Ambiental Análise de Ciclo de Vida


B) Poluição (categorias relacionadas com saídas)



Baixar 0.73 Mb.
Pdf preview
Página39/84
Encontro20.06.2021
Tamanho0.73 Mb.
1   ...   35   36   37   38   39   40   41   42   ...   84
B) Poluição (categorias relacionadas com saídas) 

 

As sub-categorias (aquecimento global, depleção do ozono, ...) agregadas na categoria de impacte 



"poluição" estão diferenciadas, na Tabela 5-1, nas áreas de protecção (saúde humana e saúde 

ecológica), podendo observar-se que  umas categorias são relevantes para as duas áreas de 

protecção; por exemplo, a depleção do ozono irá conduzir a um aumento na radiação ultra violeta 

(UV), a qual é perigosa para as pessoa e para os ecossistemas. 

As cargas ambientais podem causar também mais do que um tipo de impacte e são por isso 

chamadas de “cargas com impactes múltiplos” (de Haes, 1996b): 

•  Impactes paralelos, referem-se a dois ou mais tipos exclusivos de impactes que são causados 

pela mesma carga ambiental como, por exemplo, os efeitos tóxicos e a acidificação do SO

2



•  Impactes em série, referem-se a  dois ou mais tipos de impactes causados sequencialmente pela 



mesma carga ambiental como, por exemplo, os metais pesados que podem primeiro causar 

impactes ecotoxicológicos e posteriormente efeitos toxicológicos humanos. 

•  Impactes indirectos, são impactes causados por um factor induzido por uma dada carga 

ambiental, de um tipo diferente dos impactes directamente causados pelas cargas ambientais 

como, por exemplo, os impactes causados pela toxicidade do alumínio, induzida pela acidificação. 

•  Impactes combinados, são impactes causados por uma combinação de duas ou mais cargas 

ambientais, tais como o caso de NO

x

 com C



x

H

y



 na formação do ozono. 

Um exemplo de cadeia de efeito ambiental para aquecimento global é (Guinée et al., 1993): emissões 

de gases com efeito de estufa 

→ alteração na força radioactiva (efeito de 1ª ordem) → alteração da 

temperatura global (efeito de 2ª ordem) 

→ subida do nível do mar (efeito de 3ª ordem) → etc.). As 

possibilidades de previsão de efeitos decrescem à medida que a sua ordem aumenta. Em princípio, 

entradas e saídas devem ser ligadas à mais baixa ordem de efeito, que ainda pode ser claramente 

relacionada à cadeia de efeito considerada. 

 


Catálogo: paginaspessoais -> jvf


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   35   36   37   38   39   40   41   42   ...   84


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal