Max heindel


O Diagrama mostrado anteriormente, Diagrama 2 do Conceito Rosacruz do Cosmos, de Max Heindel, dá uma ideia compreensível dos sete Mundos que formam a esfera do nosso desenvolvimento



Baixar 38.73 Kb.
Página31/31
Encontro17.03.2020
Tamanho38.73 Kb.
1   ...   23   24   25   26   27   28   29   30   31

O Diagrama mostrado anteriormente, Diagrama 2 do Conceito Rosacruz do Cosmos, de Max Heindel, dá uma ideia compreensível dos sete Mundos que formam a esfera do nosso desenvolvimento.

O Diagrama mostrado anteriormente, Diagrama 2 do Conceito Rosacruz do Cosmos, de Max Heindel, dá uma ideia compreensível dos sete Mundos que formam a esfera do nosso desenvolvimento.

MAS: Estes Mundos não estão colocados uns acima dos outros, como o diagrama sugere, mas interpenetram-se.

POR EXEMPLO:

Se relacionarmos o Mundo Físico com o Mundo do Desejo e se compararmos o Mundo do Desejo com as linhas de força na água em congelação e a água em si mesma com o Mundo Físico, podemos igualmente imaginar essas linhas de força equivalendo a qualquer um dos sete Mundos e a água, correspondendo ao próximo mundo mais denso na escala.

MOMENTO DE VIDEO 4 - Viagem à velocidade da luz - universo

Cada um dos planetas do nosso sistema solar tem esses três Mundos que se interpenetram.

Se imaginarmos cada um desses planetas consistindo de três Mundos como sendo esponjas individuais, e o quarto Mundo - o Mundo do Espírito de Vida - como sendo a água contida em um vaso maior na qual nadem separadas essas esponjas tríplices, compreenderemos que, assim como a água do recipiente maior enche o espaço compreendido entre as esponjas e as compenetra, assim também o Mundo do Espírito de Vida se difunde pelos espaços interplanetários e interpenetra os planetas individuais.

Este Mundo estabelece um vínculo comum entre os planetas e, do mesmo modo que para se ir da América à África é necessário ter-se um barco e poder dirigi-lo, assim também se requer um veículo apropriado ao Mundo do Espírito de Vida, sob controle consciente, para se poder viajar de um a outro planeta.

De maneira semelhante àquela pela qual o Mundo do Espírito de Vida nos poe em relação com os outros planetas do nosso sistema solar, o Mundo do Espírito Divino correlaciona-nos com os outros Sistemas Solares.

Podemos comparar os Sistemas Solares a esponjas separadas, submersas no Mundo do Espírito Divino. Compreenderemos assim que, para se poder viajar de um sistema solar a outro é necessária a capacidade de se atuar conscientemente no mais elevado dos veículos do homem, o Espírito Divino.

 



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   23   24   25   26   27   28   29   30   31


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal