Livros didáticos ensino médio



Baixar 1.61 Mb.
Pdf preview
Página49/65
Encontro30.09.2021
Tamanho1.61 Mb.
1   ...   45   46   47   48   49   50   51   52   ...   65
47

SOCIOLOGIA

nominada “Atividades interdisciplinares”, e na oitava parte, “Objetivos dos capí-

tulos, propostas de atividades e leituras complementares”, esta última conten-

do um bom material direcionado aos professores, composto de textos visando 

ampliar a discussão dos temas e conceitos tratados nos capítulos. Encontram-se 

também os “Gabaritos das subseções revendo o capítulo e verificando o seu co-

nhecimento” na nona parte e as “Referências do Manual”, na última.  

Análise


A abordagem proposta pela obra valoriza o diálogo com o aluno, estimulan-

do-o a todo o momento a refletir sobre as temáticas apresentadas, partindo sem-

pre de seu próprio universo. Esta é a característica mais marcante do livro, que se 

expressa também pela linguagem juvenil e pelos recursos didáticos oferecidos. 

Os conteúdos são introduzidos a partir de atividades que promovem a ligação en-

tre a temática abordada e a realidade do aluno, favorecendo uma aprendizagem 

significativa.

O Manual do Professor apresenta uma interessante discussão sobre a espe-

cificidade do ensino de Sociologia no ensino médio, contextualizando sua conso-

lidação como disciplina escolar e refletindo sobre práticas de ensino e materiais 

didáticos. Além disso, fornece orientações e sugestões sobre cada capítulo, bem 

como sugestões de atividades.  

A UNIDADE 1 é aberta com uma discussão sobre o papel da Sociologia no 

ensino médio, sobretudo se considerarmos as frequentes inquietações dos alu-

nos frente à disciplina. O conceito de imaginação sociológica, de Wright Mills, é 

apresentado, demonstrando o potencial da disciplina para uma compreensão do 

mundo social do aluno que se afaste do senso comum. Basicamente, a unida-

de se dedica a discutir a relação entre indivíduo e sociedade. Durkheim, Weber 

e Marx são acionados no debate. Conceitos como instituições sociais, cultura e 

identidade social e ideologia são apresentados. Bourdieu é acionado para dis-

cutir o conceito de capital cultural para a compreensão das diferentes linguagens 

usadas na escola. O tema das desigualdades sociais fecha esta unidade. 

A UNIDADE 2 se dedica a tratar de Trabalho, Política e Sociedade. Os auto-

res discutem o nascimento e o desenvolvimento do capitalismo, culminando na 

discussão sobre a globalização e o neoliberalismo. A compreensão histórica do 

conceito de trabalho se dá pela contribuição de Marx. O fenômeno da acumulação 

flexível é apresentado, e David Harvey é acionado para discutir as novas formas 

de configuração do trabalho. Há também nesta unidade um capítulo dedicado à 

compreensão da questão ambiental. A política é abordada por meio dos concei-

tos de cidadania, Estado, democracia e movimentos sociais. 

A UNIDADE 3 é dedicada a temas mais contemporâneos e merece destaque 

pelo tratamento de temáticas nem sempre exploradas em livros didáticos. Tendo 

como eixo central as relações sociais na contemporaneidade, os autores propõem 

inicialmente uma discussão sobre o papel da mídia no capitalismo globalizado, 






Compartilhe com seus amigos:
1   ...   45   46   47   48   49   50   51   52   ...   65


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal