Livros didáticos ensino médio


GUIA DE LIVROS DIDÁTICOS PNLD 2015



Baixar 1.61 Mb.
Pdf preview
Página46/65
Encontro30.09.2021
Tamanho1.61 Mb.
1   ...   42   43   44   45   46   47   48   49   ...   65
44

GUIA DE LIVROS DIDÁTICOS PNLD 2015

concepções teóricas, “Temas de antropologia contemporânea”, no capítulo 5 e 



‘Sociologia contemporânea”, no capítulo 10, podem ser considerados de difícil 

associação, inibindo a realização dos mesmos e o avanço para as etapas seguin-

tes. Além disso, recomenda-se que o professor complemente o debate com mais 

dados e problemas quando utilizar o simulador familiar que integra o OED Temas 



da antropologia contemporânea (p. 100) e a animação interativa do OED Rees-

truturações produtivas no século XX (p.160) articulando as variantes históricas e 

sociais apresentadas de maneira geral nos objetos.    

 

Em Sala de Aula

O professor que adotar esta obra terá em mãos uma abordagem inédita da 

Sociologia no ensino médio. A estrutura do livro em três unidades, cada qual tra-

tando de uma das áreas das ciências sociais – antropologia, sociologia e ciên-

cia política, não é convencional para uma disciplina cuja identidade no contexto 

escolar tem se caracterizado mais por uma mescla dos conteúdos das ciências 

sociais. Mas se essa característica não é usual, ela pode oportunizar o aluno a 

acessar de maneira mais plena e sistemática os principais temas e conteúdos das 

três áreas que compõem a Sociologia. Além disso, esse formato não impede o 

professor de trabalhar as unidades e capítulos do livro de acordo com as suas 

necessidades didáticas e a própria realidade de seus alunos. 

Apesar disso, será preciso atenção do professor no que diz respeito a um 

desajuste entre a apresentação de perspectivas clássicas e contemporâneas das 

ciências sociais nas áreas de Antropologia e Sociologia em comparação à Ciência 

Política. Isso se manifesta particularmente na unidade 3 que, ao contrário das 

demais, se limita à apresentação de apenas uma perspectiva teórica no tratamen-

to de alguns temas da ciência política, problema que deverá ser observado pelo 

professor ao trabalhar esta unidade em sala de aula.    

Outra característica deste livro é a mediação didática que alcançou êxito ao 

unir densidade e profundidade no tratamento das temáticas a uma escrita sim-

ples, jovial e objetiva. Isso se reforça pelos inúmeros recursos didáticos disponí-

veis e pela força imagética do grafite que aproxima o livro do universo do aluno. 

No Manual, o professor encontrará esclarecimentos sobre a organização da 

obra e terá orientações e sugestões para cada um dos capítulos do livro do aluno

além de textos e atividades complementares. Há também no Manual do Professor 

uma interessante discussão sobre os pressupostos teóricos e metodológicos que 

embasaram a obra. 

Há outro problema que deverá ser observado pelo professor e exigirá uma com-

plementação em sala de aula. Muito embora os autores enfrentem a discussão sobre 

os mecanismos simbólicos ou ideológicos da dimensão cultural, o livro deixa a dese-

jar com relação a uma discussão mais sistematizada sobre a indústria cultural. 

Por fim, cabe ressaltar uma qualidade importante do livro que é a presença 

equilibrada da sociologia brasileira ao longo dos capítulos, além de um capítulo 

em cada unidade dedicado às contribuições da antropologia, sociologia e ciência 

política brasileiras.





Compartilhe com seus amigos:
1   ...   42   43   44   45   46   47   48   49   ...   65


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal