Instituto de letras beatriz azevedo da silva jacinta, passos de uma escritora



Baixar 9.09 Mb.
Página14/43
Encontro20.06.2021
Tamanho9.09 Mb.
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   43
Maria18

Ergue-se a cruz no cimo do Calvário.

Após cumprir sua missão, Jesus,

que por nós nasceu pobre e solitário,

por nós, agora, vai morrer na cruz.
Já fez o divino donatário

de tudo o que era seu. Bênção de luz

que desceu sobre o mundo tumultuário

é doutrina de amor que ao Céu conduz.


Prisão, torturas, sede, fundas dores,

desprezo, ingratidões, açoite, horrores,

tudo sofreu por nós, pobres mortais.
Ainda entrega no instante de agonia,

Imaculado o vulto de Maria,

O bem maior que todos os demais. (1934)

Nota-se que a autora primava pela busca da forma “perfeita”, ao optar pela construção do soneto, uma das formas fixas de poemas exaltada pelos parnasianos no Brasil do século XIX.

Em “A um poeta”, Olavo Bilac, um dos maiores expoentes do movimento parnasiano, elenca o modo de fazer poesia, seguido por Jacinta Passos em muitos de seus poemas iniciais. No decorrer de sua trajetória na escrita, essa forma torna-se cada vez mais rara cedendo espaço para as formas livres e para a necessidade de tratar de novos temas, por conta de sua aproximação com as ideias modernistas de concepção artística.

“Cântico do exílio” (1937), “Agonia no horto” (1937), “Contrição” (1938), “Oferenda” (1938), “Consagração” (1938) e “Súplica” (1939), fazem parte da coletânea Momentos de poesia (1942), que se caracteriza por uma poética inclinada à religiosidade. Através da linguagem há uma busca do sujeito lírico em alcançar o “sublime” ao evocar as figuras cristãs de Jesus Cristo e Maria, os poemas exprimem, em sua maioria, um sentimento de culpa para a qual o eu lírico está sempre em busca da redenção e da aproximação com o divino.

É recorrente nesta fase, a presença da reflexão sobre o que seria, segundo o sujeito lírico a missão do poeta, o que este deveria apreender do universo ao seu redor e transformá-lo através da linguagem.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   43


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal