Hpp historia V3 pnld2018 Capa al pr indd



Baixar 43.85 Mb.
Pdf preview
Página412/513
Encontro04.08.2022
Tamanho43.85 Mb.
#24483
1   ...   408   409   410   411   412   413   414   415   ...   513
HisTPassadoPresente 3 MP 0027P18043 PNLD2018
orGAnIzAndo AS IdeIAS
(p. 42)
1. Até o começo do século XX, a Rússia era uma nação 
essencialmente rural. O país apresentava baixo de-
senvolvimento econômico, se comparado a outros 
países europeus. Do ponto de vista político, a Rússia 
vivia sob um regime monárquico absolutista, que 
exercia forte repressão sobre a população. A desi-
gualdade social era grande, assim como as péssimas 
condições de vida dos trabalhadores russos do campo 
e das cidades. Esse contexto gerou grande insatisfa-
ção popular e criou condições para o surgimento de 
movimentos clandestinos de resistência ao regime 
e defensores de mudanças econômicas, sociais e 
políticas. Entre eles, estava o Partido Operário Social-
-Democrata Russo (POSDR), um grupo clandestino 
de orientação marxista. Esse partido agrupava duas 
tendências distintas. Uma era a bolchevique, liderada 
por Lenin, que propunha a formação de uma aliança 
operário-camponesa para lutar pelo poder e che-
gar ao socialismo. Segundo Lenin, só seria possível 
chegar ao socialismo depois de uma revolução. Os 
mencheviques, mais moderados, argumentavam 
que era preciso apoiar a burguesia, pois esta deveria 
liderar a luta contra o czarismo em uma revolução 
democrática. Só então se poderia organizar a classe 
operária para a revolução socialista.
2. Em 1905, cerca de 200 mil pessoas foram às ruas 
protestar por melhores condições de vida e salário. 
A polícia reagiu com violência, matando cerca de 
mil manifestantes. Os protestos se intensificaram. 
Uma greve geral paralisou o país. Pressionado, o 
HPP_v3_PNLD2018_MPESPEC_305a384.indd 314
6/2/16 5:50 PM


MANUAL DO PROFESSOR 315
czar cedeu a algumas exigências dos revolucioná-
rios, legalizou partidos políticos e concedeu pode-
res legislativos à Duma (Parlamento russo). Embora 
o czarismo tenha sobrevivido, o país se transformou 
em uma monarquia constitucional. Ainda assim, o 
czar podia dissolver a Duma a qualquer momento 
e mantinha forte censura à imprensa.
3. A afirmação do historiador Marc Ferro faz refe-
rência à capacidade dos sovietes em influenciar a 
política e a sociedade dentro da Rússia. Os sovietes 
surgiram inicialmente como um conselho de traba-
lhadores democraticamente eleitos, com o obje-
tivo de impulsionar as lutas sociais e políticas dos 
russos. Faziam parte desses conselhos operários, 
camponeses, soldados e intelectuais. Aos poucos
os sovietes passaram a organizar greves, interme-
diar as negociações entre patrões e empregados e 
publicar jornais. Também assumiram responsabi-
lidades que seriam do governo: passaram a cuidar 
do abastecimento, do trânsito, da iluminação e 
também fiscalizavam as ações governamentais.
4. Após a abdicação do czar, formou-se um novo go-
verno sob a liderança dos mencheviques, que ado-
taram medidas reformistas, mas não atenderam 
às principais reivindicações dos camponeses e dos 
operários. Isso ampliou a insatisfação popular e 
abriu caminho para a Revolução de Outubro de 
1917. A revolução derrubou os mencheviques, que 
foram substituídos pelo Partido Bolchevique, e deu 
início a um processo de profundas transformações 
na sociedade russa. O novo governo estatizou fábri-
cas, estradas de ferro e bancos e confiscou os bens 
da Igreja. As grandes propriedades foram expro-
priadas e distribuídas aos camponeses. No plano 
externo, russos e alemães assinaram um tratado 
de paz em separado, o Tratado de Brest-Litovsky 
(1918), que culminou na saída dos russos da Primeira 
Guerra Mundial.
5. A ascensão dos bolcheviques ao poder deu início a 
uma guerra civil na Rússia. As antigas classes domi-
nantes (senhores de terras, grandes empresários, 
generais do Exército czarista), com o objetivo de 
expulsar os bolcheviques do poder, formaram o 
Exército Branco, que ganhou o reforço das tropas 
militares de potências ocidentais (Estados Unidos, 
França, Inglaterra, Japão e Canadá). Sob a liderança 
de Trotski, os bolcheviques organizaram o Exérci-
to Vermelho. A disputa pelo poder levou o país a 
uma sangrenta guerra que terminou em 1921, com 
a vitória dos bolcheviques, e deixou um saldo de
13 milhões de mortos, número superior ao de pesso-
as mortas nos combates da Primeira Guerra Mundial.
6. Após chegar ao poder em outubro de 1917, o Partido 
Comunista, ou Bolchevique, tornou-se o único par-
tido da Rússia. O poder dos sovietes foi esvaziado, e 
a população viu-se excluída dos órgãos de decisão. 
No lugar do socialismo surgiu uma sociedade buro-
cratizada, controlada por uma elite de funcionários 
privilegiados. No topo dessa sociedade estava o 
Baixar 43.85 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   408   409   410   411   412   413   414   415   ...   513




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal