Hpp historia V3 pnld2018 Capa al pr indd


Alternativa em torno da obra do quadrinista Joe Sacco. 217 Décadas de 1970 e 1980: crise e conflito  • CAPÍTULO 10



Baixar 43.85 Mb.
Pdf preview
Página285/513
Encontro04.08.2022
Tamanho43.85 Mb.
#24483
1   ...   281   282   283   284   285   286   287   288   ...   513
HisTPassadoPresente 3 MP 0027P18043 PNLD2018
Alternativa em torno da obra do quadrinista Joe Sacco.
217
Décadas de 1970 e 1980: crise e conflito 

CAPÍTULO 10
HMOV_v3_PNLD2018_204a226_U4_C10.indd 217
21/05/16 20:19


FilME
Veja o filme 
Paradise Now

de Hany Abu-Assad, 2005. 
Dois amigos palestinos são 
recrutados para realizar
um atentado suicida
e precisam esconder sua 
missão. Porém, o plano 
inicial fracassa e eles 
acabam separados um
do outro, sem rumo e com 
bombas atadas ao corpo.
Nesta foto de 2012, um míssil israelense é lançado na 
cidade de Ashdod, em Israel. O sistema batizado de 
“Cúpula de Ferro” monitora, com radares, morteiros e 
mísseis lançados a partir da Faixa de Gaza em direção ao 
território de Israel. O país é um dos que mais investem em 
tecnologia bélica.
Ja
ck
G
ue
z/A
FP
pobreza e incerteza entre os palestinos
Enquanto a população de Israel convive com o medo dos constantes 
atentados terroristas
, os palestinos são vítimas da violência das forças de 
Israel e sofrem por não terem uma terra própria. De acordo com a ONU, dos 
sete milhões de palestinos no mundo, quatro milhões são refugiados.
Além disso, um relatório do Comitê Internacional da Cruz Vermelha afir-
ma que 1,5 milhão de palestinos da Faixa de Gaza vivem em condições de 
pobreza, sem recursos para reconstruir suas vidas. A razão é o bloqueio que 
o governo de Israel impõe à região, controlada pelo grupo Hamas desde 2007, 
após expulsar o Fatah da região. Para o governo israelense, a presença do 
Hamas no poder põe em risco a segurança de Israel.
Poucos dias após uma reconciliação entre Fatah e Hamas, em junho de 
2014, a Faixa de Gaza voltou a ser palco de conflitos. Em reação ao sequestro 
e morte de três adolescentes por militantes palestinos em julho daquele ano, 
o governo israelense realizou ataques aéreos a Gaza, que foram retaliados 
com o lançamento de mísseis em direção a Israel. Alegando a intenção de 
destruir túneis construídos pelo Hamas para atacar Israel, as forças arma-
das israelenses invadiram a Faixa de Gaza, acirrando ainda mais o conflito. 
Ao final de agosto, um cessar-fogo foi assinado. 
Mais de dois mil palestinos, entre civis e guer-
rilheiros, foram mortos no confronto, e 10 mil 
ficaram feridos.
O bloqueio estabelecido pelo governo de Is-
rael impede a entrada de vestimentas, livros, 
veículos, geladeiras e materiais de construção 
na Faixa de Gaza, o que impossibilita os pa-
lestinos de reconstruírem suas residências, 
destruídas nos confrontos. Os palestinos da 
região têm acesso (bastante limitado) apenas à 
comida, medicamentos e produtos de limpeza. 
O fornecimento de água é precário e o sanea-
mento básico é extremamente deficiente.
Palestinos trabalham na 
reconstrução de túnel existente 
entre a Faixa de Gaza e a fronteira 
com o Egito, destruído por 
bombardeio israelense, em 2009. 
Por meio de túneis como esse, os 
palestinos tentam furar o 
bloqueio que lhes é imposto pelo 
governo de Israel e levam para o 
seu território alimentos, roupas e 
também armamentos.
Wissam Nassar/Xinhua P
ress/Corbis/Latinstoc
k
218
HMOV_v3_PNLD2018_204a226_U4_C10.indd 218
21/05/16 20:19


ENQUANTO ISSO...

Baixar 43.85 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   281   282   283   284   285   286   287   288   ...   513




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal