Hpp historia V3 pnld2018 Capa al pr indd



Baixar 43.85 Mb.
Pdf preview
Página282/513
Encontro04.08.2022
Tamanho43.85 Mb.
#24483
1   ...   278   279   280   281   282   283   284   285   ...   513
HisTPassadoPresente 3 MP 0027P18043 PNLD2018
Divisão e conflitos
Em 1947, o governo da Inglaterra anunciou sua retirada da Palestina. Em 
novembro desse ano, a Organização das Nações Unidas aprovou um plano de 
partilha do território palestino em dois Estados. De acordo com o plano, 56,5% 
do território palestino deveria ser ocupado pelos judeus e 42,9% pelos árabes-
-palestinos. A cidade de Jerusalém, considerada sagrada pelos seguidores do is-
lamismo, do judaísmo e do cristianismo, passaria a ser território internacional.
As principais lideranças judaicas concordaram com a proposta, mas os 
árabes não. Alegavam que os judeus não só haviam invadido terras, mas 
também haviam ficado com a maior porção na partilha da ONU. A população 
árabe-palestina na região (na época, 1,25 milhão de pessoas) era o dobro da 
judaica, e no próprio território destinado aos judeus os árabes totalizavam 
quase metade da população.
A tensão entre os dois povos cresceu. Cerca de 400 mil árabes que viviam 
nas terras destinadas aos judeus fugiram. No dia 14 de maio de 1948, Ben Gurion 
(1886-1973) anunciou a formação do Estado de Israeltornando-se seu primeiro-
-ministro. No dia seguinte, a Liga Árabealiança militar formada pelos governos 
do Líbano, Síria, Iraque, Egito e Transjordânia (atual Jordânia), lançou suas tro-
pas contra Israel. Começava assim a primeira guerra entre árabes e israelenses.
Ao final do conflito, em 1949, os árabes saíram derrotados e o Estado árabe 
na Palestina nem sequer chegou a se formar. O território antes destinado a ele 
foi dividido entre Israel, Egito e Transjordânia. Aproximadamente 75% dele, 
ocupado pelos judeus durante a guerra, passou para o domínio de Israel. A Jor-
dânia ficou com a Cisjordânia. O Egito, por sua vez, anexou a faixa de Gaza (veja 
o mapa A formação do Estado de Israel, na página 216). A cidade de Jerusalém foi 
dividida entre Israel e Jordânia.
Expulsos de suas terras, cerca de 
750 mil palestinos passaram a viver 
em campos de refugiados no Líba-
no, na Jordânia, na Síria e na faixa de 
Gaza. Os que permaneceram nas ter-
ras ocupadas por Israel tiveram seus 
direitos restringidos. Mesmo assim, a 
luta por um Estado autônomo palesti-
no se acirraria.
Os conflitos entre palestinos e ju-
deus tornaram-se cada vez mais fre-
quentes e violentos. Enquanto o gover-
no de Israel ganhava crescente apoio 
militar dos Estados Unidos, setores 
palestinos radicais formaram grupos 
guerrilheiros para tentar reaver as ter-
ras perdidas. Um desses grupos foi o Al 
Fatahliderado por Yasser Arafat (1929- 
-2004). Em 1964, o Al Fatah uniu-se a ou-
tros grupos para formar a Organização 

Baixar 43.85 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   278   279   280   281   282   283   284   285   ...   513




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal