História do Tempo Presente: oralidade, memória, mídia



Baixar 390.25 Kb.
Pdf preview
Página57/58
Encontro25.04.2021
Tamanho390.25 Kb.
1   ...   50   51   52   53   54   55   56   57   58
da Rádio Aperipê (São Cristóvão: EDUFS, 2015); Memórias
de uma coluna na Internet (Macapá: EdUNIFAP, 2015); História,
neofascismos e intolerância: reflexões sobre o Tempo Presente
(Rio de Janeiro: Multifoco; São Cristóvão: EdUFS, 2012).
Gerardo Necoechea Gracia: 
Doutor em História e Antropologia.
Professor do Instituto Nacional de Antropología e Historia,
México. Realizou sua formação em nível superior na Escuela
Nacional de Antropología e História (México) e na City University
of New York. Suas pesquisas têm se voltado para a História
Oral, a história do trabalho e a história política mexicana.
Entre suas publicações em livro estão: como coordenador, em
conjunto com Patrícia Pensado, Voltear al mundo de cabeza:
historias de militancia de izquierda en América Latina (Buenos


História do Tempo Presente:oralidade, memória, mídia
  |  227
Aires: Imago Mundi, 2011); como organizador, com Antonio
Montenegro, Caminos de historia y memoria en America Latina
(Buenos Aires: Imago Mundi, 2011); como organizador, com
Pablo Pozzi, Cuéntame cómo fue: Introducción a la historia
oral (Buenos Aires: Imago Mundi, 2008).
Itamar Freitas: 
Doutor em Educação, Mestre e Graduado em
História. Professor do Departamento de História e do Programa
de Pós-Graduação em História da Universidade de Brasília,
bem como do Programa de Pós-Graduação em Educação da
Universidade Federal de Sergipe. Realizou sua formação em
nível superior na Universidade Federal de Sergipe, na
Universidade Federal do Rio de Janeiro e na Pontifícia
Universidade Católica de São Paulo. Suas pesquisas têm se
voltado para o Ensino de História, Teoria da História e
Historiografia. Entre suas publicações em livro estão: Didáticas
da História – entre filósofos e historiadores (1690-1907) (Natal:
Ed. da UFRN, 2015); Aprender e ensinar história nos anos
finais da escolarização básica (Aracaju: Criação, 2014); A
experiência indígena e o ensino de História (São Cristóvão:
Ed. da UFS, 2010).
Janice Gonçalves: 
Doutora em História, professora do
Departamento de História e do Programa de Pós-Graduação
em História da Universidade do Estado de Santa Catarina
(UDESC). Realizou toda sua formação em nível superior na
Universidade de São Paulo. Suas pesquisas têm se voltado para
o patrimônio cultural e para a historiografia de Santa Catarina.
Entre suas publicações está o livro Figuras de valor: patrimônio
cultural em Santa Catarina (Itajaí: Casa Aberta, 2016).
Márcia Ramos de Oliveira: 
Doutora em História e professora
do Departamento de História, do Programa de Pós-Graduação
em História da Universidade do Estado de Santa Catarina
(UDESC) e do Mestrado Profissional em História – ProfHistória
(polo UDESC). Realizou toda sua formação em nível superior
na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Suas pesquisas


228  |  
História do Tempo Presente:oralidade, memória, mídia
têm se voltado especialmente para a canção, a radiodifusão, o
cinema e as plataformas digitais. Entre suas publicações está
o livro Lupicínio Rodrigues: a cidade, a música, os amigos
(Florianópolis: Ed. da UDESC, 2013).
Pablo Alejandro Pozzi: 
Doutor em História e professor da
Universidad de Buenos Aires, Argentina. Realizou sua formação
em nível superior na Wesleyan University e na State University
of New York (Stony Brook). Suas pesquisas têm se voltado
especialmente para a história social contemporânea, a história
dos EUA, a História do movimento operário na Argentina (pós-
1945) e a história dos movimentos armados das décadas de
1960 e 1970. Entre suas publicações em livro estão: como
organizador, em conjunto com Claudio Pérez, Historia oral e



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   50   51   52   53   54   55   56   57   58


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal