História do Tempo Presente: oralidade, memória, mídia



Baixar 390.25 Kb.
Pdf preview
Página32/58
Encontro25.04.2021
Tamanho390.25 Kb.
1   ...   28   29   30   31   32   33   34   35   ...   58
solitária, de autoria de Ruy Castro (1995).
Todo este relato revela aspectos interessantes quando pensamos
o episódio sob o prisma da história do tempo presente. Temos aqui
a disputa das narrativas produzidas pela pesquisa, mas voltada à
circulação midiática; e ainda, a figura do autor, que se divide em
sua formação como historiador e jornalista. A disputa de memória
entre o autor e o biografado. A imagem pública, e comercial,
assumida pelo artista, enquanto noção de persona, fragilizada pela
nova representação, surgida da narrativa não autorizada.
Exemplificando essa relação tão controversa, vale referir a
declaração dada por Paulo Cesar de Araújo, disponível na matéria
Paulo Cesar Araújo: ‘Fui tratado como criminoso’, publicada em
2014 no Blog do Galeno, iniciativa associada ao Observatório do
Livro e da Leitura e mantida pelo jornalista Galeno Amorim:
[...] Sou um profissional da memória. A Constituição cidadã de
1988 me ampara no seu artigo 5
o
. Então, ao escrever o livro do RC
[Roberto Carlos] e mesmo o Eu Não Sou Cachorro, Não (2002), eu
estou amparado. Sou um profissional e fui tratado como criminoso
pelo Roberto [Carlos]. Claro que com ele se agarrando numa
aberração que são aqueles artigos (20 e 21 do Código Civil), que
vão contra a Constituição. Eles negam o que a Constituição garante
5
.
A biografia na área de música assume características mais
específicas quanto à descrição do gênero biográfico, pois concentra
fortes tendências a evidenciar aspectos ligados a traços de
identidade regionais ou nacionais, implicando também na imagem
do artista biografado, que por si mesma envolve, além do valor
simbólico, o valor econômico associado à mesma. Neste sentido,
a imagem do artista encontra-se associada à remuneração e à
5
Blog do Galeno também apresentou matéria anterior sobre Paulo Cesar
de Araújo, a partir de sua participação no Programa Roda Viva, da TV
Cultura, realizado dia 28 de outubro de 2013 (AMORIM, 2013).


114  |  
História do Tempo Presente:oralidade, memória, mídia
interpretação sobre a legislação e o direito autoral, que divide tantas
posições quanto a dimensionar monetariamente o ato de criação,
a autoria musical e literária, sem falar nos lucros empresariais de
gravadoras e editoras de música e livros
6
.
Deste embate, cumpre perguntar, sobre a biografia: a quem
pertence? Ao biografado? Ao autor (biógrafo)? Ao público/leitor?
Aparentemente, a intervenção midiática como parte deste processo
de construção tornou efêmero o valor da pesquisa e reinseriu no
tempo a presença do biografado e do autor.
Referências
AMORIM, Galeno. Autor de biografia de Roberto Carlos declara:
Há 45 anos ele controla tudo a sua volta. Blog do Galeno [Com
base em texto publicado em R7, 29 out. 2013]. Disponível em:
de-roberto-carlos-declara-ha-45-anos-ele-controla-tudo-a-sua-
volta>. Acesso em: 13 set. 2014.
ARAÚJO, Paulo Cesar de. O réu e o rei: minha história com Roberto
Carlos, em detalhes. São Paulo: Companhia das Letras, 2014.
ARAÚJO, Paulo Cesar de. Roberto Carlos em detalhes. São Paulo:
Ed. Planeta do Brasil, 2006.
BOURDIEU, Pierre. A ilusão biográfica [1986]. In: FERREIRA,
Marieta de Moraes, AMADO, Janaína (Orgs). Usos e abusos da
História Oral. 8. ed. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas,
2006. p. 183-191.
6
Grande parte desta polêmica está vinculada à atuação do grupo Procure
Saber, que integra um considerável número de artistas e músicos, além de
escritores, na defesa e observação da legislação do direito autoral no Brasil.
Por ocasião da ação penal movida por Roberto Carlos, este era integrante
do grupo. Mais informações sobre o grupo Procure Saber podem ser obtidas
na página de divulgação no Facebook, criada em 2013 (PROCURE SABER,
2014).


História do Tempo Presente:oralidade, memória, mídia
  |  115
CASTRO, Ruy. Garrincha, a estrela solitária. São Paulo:
Companhia das Letras, 1995.
CHIARELLI, Marina. Editoras param as máquinas à espera da
Lei das Biografias. Portal PUC-Rio Digital, 6 set. 2013.  Disponível
em: param-as-maquinas-a-espera-da-Lei-das-Biografias-
22930.html#.VQ2yIfldXHU>. Acesso em: 13 set. 2014.
CURRÍCULO LATTES de Paulo Cesar de Araújo.  Disponível em:
.  Acesso em: 13 set.
2014.
ELIAS, Norbert. Mozart, sociologia de um gênio. Rio de Janeiro:
Jorge Zahar, 1995.
GAY, Peter. Mozart. Rio de Janeiro: Objetiva, 1999. (Breves
Biografias)
LETRAS [Sítio eletrônico]. Disponível em: roberto-carlos/6971>. Acesso em: 13 set. 2014.
LORIGA, Sabina. O pequeno X: da biografia à história. Belo
Horizonte: Autêntica, 2011.
OLIVEIRA, Maria da Glória de. Escrever vidas, narrar a história: a
biografia como problema historiográfico no Brasil oitocentista. Rio
de Janeiro: Ed. FGV, 2011.
PAULO Cesar Araújo: Fui tratado como criminoso. Blog do Galeno
[Entrevista originalmente publicada em A Tarde, 9 jun. 2014].
Disponível em: paulo-cesar-de-araujo-fui-tratado-como-criminoso>. Acesso em: 13
set. 2014.
PROCURE SABER [página no Facebook]. Disponível em: /www.facebook.com/procuresabermusica?fref=ts>. Acesso em: 13
set. 2014.
PROJETO de lei do deputado Newton Lima (na Câmara de
Deputados) – PL 393/2011: Dispõe sobre a alteração do art. 20


116  |  
História do Tempo Presente:oralidade, memória, mídia
da Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002 - Código Civil, para
ampliar a liberdade de expressão, informação e acesso à cultura.
Disponível em: fichadetramitacao?idProposicao=491955>. Acesso em: 13
set. 2014.
RICOEUR, Paul. Tempo e narrativa. Campinas, SP: Papirus, 1994.
SCHMIDT, Benito B. História e Biografia. In: CARDOSO, Ciro F.,
VAINFAS, Ronaldo (orgs). Novos domínios da História. Rio de
Janeiro: Elsevier, 2012. p. 187-205.
Bibliografia complementar
ALBERTI, Verena. Indivíduo e biografia na história oral. Rio de
Janeiro: CPDOC, 2000.
DELGADO, Lucília de Almeida Neves. História oral: memória,
tempo, identidades. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.
MENESES, Sônia. A mídia, a memória e a história: a escrita do
novo acontecimento histórico no tempo presente. Anos 90, Porto
Alegre, v. 19, n. 36, p. 35-65, dez. 2012.
RIOUX, Jean-Pierre. Entre história e jornalismo. In: CHAUVEAU,
Agnès; TÉTARD, Philippe. (Orgs.) Questões para a história do tempo



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   28   29   30   31   32   33   34   35   ...   58


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal