História da moeda brasileira



Baixar 25.99 Kb.
Página1/3
Encontro10.06.2020
Tamanho25.99 Kb.
  1   2   3

HISTÓRIA DA MOEDA BRASILEIRA

Ericky Sousa Ramalho; Guilherme Henrique Portes Costa; João Vitor Gomes Teodoro;Lucas Matheus Ferreira Gomes; Victor Kennedy Faria de Oliveira; Tarcisio Batista Leite.

Ericky Sousa Ramamalho, Aluno do curso Técnico em Agropecuária, IFTM-Câmpus Uberlândia, erickysousaramalho@hotmail.com.

Guilherme Henrique Portes Costa, Aluno do curso Técnico em Agropecuária, IFTM-Câmpus Uberlândia, portesgui@hotmail.com.

João Vitor Gomes Teodoro, Aluno do curso Técnico em Agropecuária, IFTM-Câmpus Uberlândia, jv_gomes98@hotmail.com.

Lucas Matheus Ferreira Gomes, Aluno do curso Técnico em Agropecuária, IFTM-Câmpus Uberlândia, lucasmatheus.98@hotmail.com.

Victor Kennedy Faria de Oliveira, Aluno do curso Técnico em Agropecuária, IFTM-Câmpus Uberlândia, vitim7_@hotmail.com.

Tarcisio Batista Leite, Professor Orientador, IFTM-Câmpus Uberlândia, tarcisio@iftm.edu.br.



Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo principal resgatar a história e evolução da Moeda circulante brasileira, bem como mostrar em ordem cronológica as moedas e as cédulas que fizeram parte da história da Moeda brasileira, em todos os tempos. De 1580 a 1640, circulavam no Brasil os Reales Hispanos-Americanos, passando em seguida pelo “Açúcar”, pelo “Pano de Algodão”, pelo “Real Português”,pelo “Réis” que acompanhou v­árias etapas da história brasileira. Em 1942, o “Cruzeiro” tornou-se a nova moeda nacional, em 1967 “Cruzeiros Novos”. Em 1970, voltou a se chamar “Cruzeiro”. Em 1986, ocorreu a criação do “Cruzado”. Em 1989, “Cruzado Novo”, em 1990 voltou a se chamar “Cruzeiro”. Em 1993, “Cruzeiro Real”. A partir de 1994, o “Real”, e em 1998, a 2º família do Real que é utilizada na atualidade.





Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal