Historia pdf


Paulo, destinado ao 4º ou ao 5º ano do ensino  fundamental, segue a organização temporal



Baixar 1.68 Mb.
Pdf preview
Página45/222
Encontro14.07.2022
Tamanho1.68 Mb.
#24262
1   ...   41   42   43   44   45   46   47   48   ...   222
pnld 2010 historia
Paulo, destinado ao 4º ou ao 5º ano do ensino 
fundamental, segue a organização temporal,
apresentando uma proposta histórica que valoriza 
a narrativa, com periodização vinculada à história 
político-administrativa.
Nos capítulos, são abordados desde temas mais 
gerais da História do Brasil, em sua relação com a 
situação particular do estado de São Paulo, até fatos 
cotidianos da população nas cidades que iam se 
desenvolvendo ao longo do tempo neste estado.
Quanto à concepção de História, a obra apre-
senta qualidades ao abordar a história do estado de 
São Paulo, e não apenas da cidade de São Paulo. 
Possibilita que o aluno localize-se bem no tempo 
e no espaço, com destaque para a qualidade do 
trabalho da relação passado/presente, bem como 
para a qualidade dos mapas e figuras inseridos ao 
longo do volume.
De modo geral, a obra demonstra cuidado 
na utilização de conceitos e informações, ainda 
que em nível alto para a faixa etária dos alunos. 
HISTÓRIA DE
SÃO PAULO
16292L1722
Autoria:
Francisco Maria Pires Teixeira
Editora:
Ática


73
Guia de Livros Didáticos – PNLD 2010
Destaca-se o excelente trabalho realizado com as fontes, em especial, as iconográficas, quando 
trata dos conflitos existentes na implantação da colonização portuguesa no Brasil e para abordar 
a forma de construção do conhecimento histórico. O conteúdo da obra possibilita a construção 
dos conceitos históricos, sem deixar de considerar a historicidade dos mesmos, com destaque 
para o trabalho sobre documento histórico e preservação do patrimônio histórico.
Quanto à concepção pedagógica, a proposta apresentada tem como característica 
valorizar a participação ativa do aluno, a autonomia do professor, a criatividade e a variedade 
de procedimentos didáticos para a aprendizagem de conhecimentos significativos. Além dos 
conceitos, são detalhados os procedimentos de que devem ser praticados e, por fim, as atitudes 
que os alunos devem apresentar e que devem ser avaliadas pelos professores.
Percebe-se a boa qualidade na abertura das unidades e dos capítulos, com integração entre 
música e imagens, tanto nas atividades criativas, quanto nas sugestões de leituras pertinen-
tes aos assuntos abordados. O conteúdo tratado na obra contribui satisfatoriamente para o 
desenvolvimento da memorização, do pensamento autônomo e crítico, da compreensão, da 
formulação de hipóteses e da generalização e crítica. De modo geral, pode-se afirmar que a 
proposta teórico-metodológica da obra foi desenvolvida com qualidade e propriedade.
Quanto às questões éticas e de cidadania, ainda que a obra analisada não lhes dedique 
seções em especial ao longo dos capítulos, apresenta temas que fomentam a formação cidadã. 
Destaca-se positivamente a qualidade do tratamento das temáticas do meio ambiente, da 
preservação do patrimônio histórico, da situação indígena na atualidade, dos afrodescendentes, 
da cultura caipira e, por fim, da inserção de biografias de paulistas de destaque em diversas 
áreas na seção Gente Paulista.
Manual do Professor apresenta boas instruções aos docentes, detalhamento dessas 
ao longo do livro do aluno, grafadas na cor azul, menção aos documentos oficiais e textos 
complementares.
Estão presentes, igualmente, reflexões sobre a História, particularmente a regional; sobre 
o ensino e aprendizagem da História; sobre metodologia de ensino e avaliação; sobre a forma 
de utilização e de escolha do livro didático. Além disso, há orientações específicas para o 
trabalho com cada um dos capítulos da obra e relação da bibliografia utilizada.
O projeto gráfico-editorial tem boa qualidade, com destaque para os mapas geográficos 
e históricos inseridos ao longo do texto, as imagens ilustrativas bem integradas ao conteúdo; 
aos gráficos presentes na obra, as legendas das ilustrações. A obra diferencia a abertura de 
cada uma das unidades e dos capítulos com ilustrações. As unidades são introduzidas por 
uma página de abertura, na qual uma ou mais imagens ou, ainda, letras de música remetem 
ao conteúdo a ser estudado. Repete-se tal estratégia na abertura de cada capítulo.


Guia de Livros Didáticos – PNLD 2010
74
Os boxes apresentam o fundo na cor de argila, e o texto, grafado na cor preta. A obra 
explora de forma adequada os quadros, as tabelas, as fotografias, as telas, os mapas. A im-
pressão foi feita em todas as páginas com emprego de quatro cores. Há ícones interessantes 
para os boxes apresentados na obra. Houve emprego de fontes um pouco pequenas para a 
faixa etária. Há algumas fotografias sem data. O Glossário e as Referências bibliográficas têm 
diagramação específica.

Baixar 1.68 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   41   42   43   44   45   46   47   48   ...   222




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal