Historia pdf


HISTÓRIA: RIO DE JANEIRO



Baixar 1.68 Mb.
Pdf preview
Página24/222
Encontro14.07.2022
Tamanho1.68 Mb.
#24262
1   ...   20   21   22   23   24   25   26   27   ...   222
pnld 2010 historia
HISTÓRIA:
RIO DE JANEIRO
16305L1722
Autoria:
Siomara Sodré Spinola
Editora:
Ática


Guia de Livros Didáticos – PNLD 2010
34
isso, a participação dos diversos grupos sociais na formação e no desenvolvimento do estado 
do Rio de Janeiro é minimizada.
Há grande quantidade de imagens clássicas, amplamente utilizadas nos livros didáticos de 
História. Além dessas imagens, há outros tipos de iconografia, como fotografias, desenhos, 
charges, propaganda publicitária e mapas históricos. Busca estabelecer o acesso a diversas 
fontes e formas de linguagem, especialmente no que tange à leitura imagética. Ressalva-se 
que há a utilização de mapas com limites territoriais contemporâneos para retratar a ocupação 
da América Portuguesa e da cidade do Rio de Janeiro na época colonial.
projeto pedagógico propõe a construção do conhecimento histórico a partir das lei-
turas dos vários gêneros textuais apresentados e o estudo dos acontecimentos históricos e 
suas conjunturas, alternando-os com a valorização das realidades vividas pelos alunos. Tal 
proposta é parcialmente concretizada, pois está centrada, fundamentalmente, em atividades 
de descrição e memorização. 
Ainda assim, observam-se atividades que consideram a reflexão crítica. As análises que pro-
blematizam os conteúdos apresentados, as sugestões de atividades reflexivas e que valorizam 
os conhecimentos prévios dos alunos são elementos positivos das estratégias adotadas.
O livro não traz itens específicos sobre cidadania. A abordagem se faz em decorrência 
de conteúdos, como as lutas entre portugueses e indígenas e escravidão. Evidencia a 
presença feminina na configuração da sociedade fluminense atual. Destacam-se aspectos 
da cultura popular.
Os temas dedicados à etnia indígena são apresentados em dois momentos: no período 
anterior à conquista e durante o processo de colonização, deixando de explorar melhor a inser-
ção indígena no Rio de Janeiro na atualidade. Os africanos e afrodescendentes são tratados 
durante a escravidão e no período pós-abolição. Há debates pontuais sobre a permanência do 
preconceito racial.
Manual do Professor pode ser considerado um ponto forte na obra. Informa sobre a 
avaliação formativa e a existência de critérios importantes, como a observação sistemática 
e a autoavaliação. Indica uma série de sugestões complementares de atividades para cada 
capítulo, o que pode ser objeto eventual de processo avaliativo. Sugere que os alunos redijam 
seus próprios relatórios, destacando o que sabiam antes, o que aprenderam, como participaram 
das atividades sugeridas e quais as dificuldades encontradas.
Nas sugestões sobre o desenvolvimento da metodologia, há propostas que indicam a valo-
rização do local de atuação pelo professor, como a realização de visitas guiadas às instituições 
culturais da cidade e o registro das manifestações culturais praticadas nos municípios. Nesse 


35
Guia de Livros Didáticos – PNLD 2010
sentido, apresenta, ao final do Manual, um Apêndice: Relação de museus e centros culturais 
do estado do Rio de Janeiro.
projeto gráfico é coeso, assim, as diferentes seções que o compõem são facialmente 
identificadas, além de os recursos gráficos disponíveis permitirem uma leitura confortável. 
Alguns textos são longos, e, em certos momentos, a linguagem está para além da capacidade 
de compreensão dos alunos dessa faixa etária.
Há uma utilização profusa de imagens, ressalvando-se as dimensões de algumas delas
pois possuem uma diagramação inadequada, dificultando a leitura e a realização das atividades 
propostas. As legendas nem sempre têm as referências completas. Todos os mapas respeitam 
as convenções cartográficas.

Baixar 1.68 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   20   21   22   23   24   25   26   27   ...   222




©historiapt.info 2023
enviar mensagem

    Página principal