Geografia no cotidiano: ensino médio, 3º ano



Baixar 11.43 Mb.
Página26/239
Encontro18.07.2022
Tamanho11.43 Mb.
#24300
1   ...   22   23   24   25   26   27   28   29   ...   239
Geografia no cotidiano ensino m dio, 3 ano
ticket
VÁ FUNDO!
Assista a:
A Quarta Guerra Mundial
Direção: Rick Rowley. EUA, 2003. 78 min.
Documentário que apresenta movimentos sociais contra o neoliberalismo em várias partes do mundo com imagens carregadas de inspiração e narradas com poesia.

MARIO YOSHIDA
Fonte: BATTISTONI-LEMIÉRE, Anne; NONJON, Alain. Cartes em mains: méthodologie de la cartographie. Paris: Ellipses, 2014. p. 181. (Adaptado).

Página 39


No mapa da página anterior, podemos notar a importância bélica estadunidense e sua projeção militar mundial por meio das diversas bases militares espalhadas estrategicamente pelo globo. Como também os países aliados e aqueles considerados hostis a seus interesses internacionais.
A outra tese é a da multipolaridade. Os defensores da ordem multipolar afirmam que o poder econômico está desconcentrado, mesmo que os Estados Unidos sejam uma grande potência. No mapa a seguir, é possível observar o poderio econômico de vários países no mundo, o que justificaria a existência de diversos centros de poder.

MARIO YOSHIDA
Fonte: Concise atlas of the world. 3. ed. Washington. National Geographic Society, 2012.
CARTOGRAFANDO
Representações dinâmicas
Na leitura do mapa da Ordem geopolítica multipolar – 2012, podemos perceber o uso de cores e setas com espessuras diferentes para demonstrar a dinâmica dos fenômenos econômicos, que é um dos critérios para estabelecer essa distribuição de “poderes“ no globo.
Como se pode observar na legenda, na área interna aos territórios dos países, os tons em verdes mais escuros representam os países com elevados Rendimentos Nacionais Brutos, caso de grande parte da América do Norte, Europa, Oceania e Oriente Médio, além do Japão.
Já o comércio mundial de mercadorias é mais intenso entre os Estados Unidos, a Europa e a China, como demonstram as setas mais escuras e espessas. Nesses casos, é possível perceber que o Brasil apresenta um papel secundário.
Os intercâmbios comerciais, portanto, são representações dinâmicas, que mostram o fluxo de mercadorias de acordo com a intensidade, a direção e o sentido. A intensidade é transcrita pela espessura, a direção é dada pela trajetória da flecha e o sentido, pela indicação da origem-destino.
No âmbito econômico, a multipolaridade pode ainda ser exemplificada com o Grupo dos Oito (G-8), formado por Estados Unidos, Alemanha, Japão, França, Reino Unido, Canadá, Itália e Rússia, e o Grupo dos Vinte (G-20), com a presença de países emergentes, entre eles China, Índia, Brasil e México.

Página 40


É possível ainda relacionar o poder econômico e o poder bélico dos países; desse ponto de vista, têm papel decisivo, por exemplo, os membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU, instituição que engloba Estados Unidos, China, França, Reino Unido e Rússia, com possibilidades de ampliação.
Blocos econômicos
Em seu aspecto multipolar, a Nova Ordem Mundial é marcada, entre outros fatores, pela constituição de blocos regionais, que surgiram em decorrência de reformas econômicas impulsionadas pelo processo de globalização, pelo desenvolvimento das comunicações e pela ampliação das trocas comerciais. Entre os objetivos desses blocos, destaca-se a ampliação das relações comerciais entre os países-membros.
A partir do início da década de 1970, e principalmente na década de 1990, foram estabelecidos vários acordos de livre-comércio, como a União Europeia (UE), o Tratado de Livre-Comércio da América do Norte (Nafta) e a Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico (Apec). Outros blocos com menor poder econômico também foram formados: Mercado Comum do Sul (Mercosul); Pacto Andino; Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC), entre outros. No início do século XXI, ocorreram negociações em torno da constituição de outro bloco econômico, a Área de Livre- -Comércio das Américas (Alca). Mais recentemente, foi acordado o Tratado de Livre-Comércio Trans-Pacífico (TTP, da sigla em inglês), um dos maiores acordos comerciais da história. Esse grande número de acordos e de blocos econômicos resulta dos interesses entre os países, o que evidencia a dinâmica da economia global.
Existem diferentes objetivos e níveis de integração entre os blocos econômicos, como mostra a tabela a seguir.

Baixar 11.43 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   22   23   24   25   26   27   28   29   ...   239




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal