Geografia no cotidiano: ensino médio, 3º ano



Baixar 11.43 Mb.
Página100/239
Encontro18.07.2022
Tamanho11.43 Mb.
#24300
1   ...   96   97   98   99   100   101   102   103   ...   239
Geografia no cotidiano ensino m dio, 3 ano
ticket
75º

Brasil

0,755

Fonte: PNUD. Relatório do Desenvolvimento Humano 2015, p. 32-35. Disponível em: Acesso em: 29 fev. 2016.
Ao analisar a tabela e comparar os valores entre o Brasil e os demais países, que fatores podem justificar o fato de alguns países latino-americanos terem um IDH mais elevado do que o do Brasil?
6. Se, por um lado, a produção de alimentos nunca foi tão grande na história da humanidade, por outro, a fome permanece como um dos maiores problemas que atinge diretamente milhares de pessoas, especialmente nos países pobres. E, no lugar onde você mora, como esse indicador social aparece? Que tal conhecer melhor a sua realidade?
Na busca de soluções para o problema da fome, algumas pessoas e instituições se destacam, como o sociólogo brasileiro Herbert de Souza, o Betinho, falecido em 1997, que ficou conhecido mundialmente pela criação da campanha “Ação da Cidadania contra a Fome, a Miséria e pela Vida”. Ele dedicou parte de sua vida para tentar resolver o problema da fome o Brasil. Instituições como a Organização das Nações Unidas para a Alimentação (FAO) também têm se empenhado na erradicação da fome no mundo. E você, o que pode fazer nesse sentido?

ALBERT GONZALEZ FARRAN/DEMOTIX/CORBIS/LATINSTOCK
Funcionários da ONU durante operação humanitária em Darfur do Norte, no Sudão, 2011.

Página 165



TUCA VIEIRA/FOLHAPRESS
Voluntária organiza alimentos que serão distribuidos em cestas de Natal, em ONG na cidade de São Paulo (SP), 2014.
Sugestões de ações:
• Procurar informações sobre direitos e deveres dos cidadãos, para divulgá-los na comunidade e fiscalizar os órgãos competentes;
• Atuar como capacitador voluntário, promovendo orientação profissional para os pequenos negócios do bairro;
• Elaborar e distribuir material orientando sobre o que é uma boa alimentação;
• Organizar e promover atividades de educação alimentar, visando ao aproveitamento integral dos alimentos;
• Aproveitar ao máximo os alimentos, cuidando de sua correta conservação, usando receitas alternativas e promovendo o não desperdício;
• Fazer um Mural da Cidadania em escolas e locais públicos. Pesquisar e divulgar ofertas de trabalho, cursos de capacitação profissional e geração de renda e serviços à comunidade (saúde, documentos, previdência, bolsa-família etc.);
• Formar um grupo de mães de alunos que ensinem o melhor aproveitamento dos alimentos, para evitar desperdícios;
• Monitorar a merenda escolar e comunicar qualquer irregularidade ao Conselho de Alimentação Escolar, ao Ministério Público ou ao Ministério da Educação pelo telefone gratuito 0800 61 6161;
• Buscar parcerias que ajudem a enriquecer a alimentação oferecida por escolas e organizações sociais;
• Fazer uma horta caseira e incentivar os vizinhos e as escolas do bairro a fazerem o mesmo;
• Sensibilizar supermercados, restaurantes e quitandas para o não desperdício, informando-os sobre locais para onde podem ser encaminhados os alimentos excedentes;
• Valorizar o desenvolvimento local, comprando e promovendo o uso de produtos do comércio solidário.
Fonte: CENTRO DE VOLUNTARIADO DE SÃO PAULO. Objetivos do Milênio. Oito formas de mudar o mundo. Disponível em: . Acesso em: 25 jan. 2016.
Forme um grupo com quatro colegas e escolham uma das ações citadas anteriormente e executem-na, em sua escola ou comunidade.

Página 166



Baixar 11.43 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   96   97   98   99   100   101   102   103   ...   239




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal