Física para o Ensino Médio Gravitação, Eletromagnetismo e



Baixar 3.85 Mb.
Pdf preview
Página129/134
Encontro10.08.2021
Tamanho3.85 Mb.
1   ...   126   127   128   129   130   131   132   133   134
u”(up) e do tipo “d”(down). Um 
elétron possui a carga elementar 
“-e” (e = 1,6 x 10
-19
 C), um quark “
u” 
possui carga +2/3 e e um quark “d” 
possui uma carga -1/3 e . Podemos 
escrever, esquematicamente, a 
composição de um próton e de um 
nêutron, respectivamente, por
a) uud e ddu.
b) ddu e uud.
c) uu e du.
d) ud e ud.
e) uuu e ddd.
92. (UCS) 
As lâmpadas domésticas 
fluorescentes  são  compostas  de 
um tubo de vidro pintado com tinta 
fluorescente e preenchido com gases 
de mercúrio e argônio. Os elétrons 
dos átomos dos gases são excitados 
por descargas elétricas geradas pela 
alta tensão provinda de um reator. 
Quando os elétrons desexcitam, 
os átomos emitem radiação que 
é capturada pelos átomos da 
substância  fluorescente  no  vidro, 
os quais repetem os processos de 
excitação e desexcitação eletrônica, 
e, por fim, emitem radiação visível. 
Apoiando-se nos conceitos da física 
quântica, entende-se a excitação e 
desexcitação eletrônica dos átomos, 
respectivamente, como
a) quebra e recomposição do 
núcleo atômico.
b) fusão de dois átomos após 
absorverem radiação, produzindo um 
átomo mais pesado, que rapidamente 
se desmembra emitindo radiação.
c) absorção de radiação por dois ou 
mais elétrons do átomo e a fusão 
destes produzindo um elétron mais 
pesado, que depois se divide nos 
elétrons originais, emitindo radiação.
d) absorção de radiação por um 
elétron e a decorrente divisão deste 
em dois elétrons mais leves, que 
depois se unem para recompor o 
mesmo elétron, emitindo a radiação.
e) recepção da radiação por elétrons 
em órbitas em torno do núcleo, 
decorrente destes saltos para 
órbitas mais afastadas e posterior 
retorno para as órbitas iniciais com 
emissão de radiação.
93. (UCS) Uma das comprovações 
da natureza quântica da energia 
foi a explicação de Einstein para 
o efeito fotoelétrico. Elétrons são 
arrancados de um condutor pela 
energia que recebem através 
da colisão com as partículas 
de luz, os fótons. Esse efeito é 
importantíssimo, pois permite, 
por exemplo, utilizar luz para 


Prof. Cássio Stein Moura
274
gerar corrente elétrica. Mas, 
paradoxalmente, para conhecermos 
a energia do fóton, precisamos 
conhecer uma característica dele 
que é puramente ondulatória, a 
frequência. Se, para arrancar um 
elétron do cobre, é necessário 
que ele colida com um fóton cuja 
energia seja de aproximadamente 
5 eV, qual a frequência associada a 
esse fóton? (Considere a constante 
de Planck como h = 4 x 10
-15
 eV s.)
a) 1,25 x 10
15
 Hz. 
b) 20 x 10
15
 Hz.
c) 2,0 x 10
15
 Hz. 
d) 2,25 x 10
15
 Hz.
e) 1,5 x 10
15
 Hz.
94. (UCS) Um jovem, estudando 
conceitos básicos de física 
moderna, vai a um jogo de 
futebol no ginásio de esportes da 
Universidade. Quando da cobrança 
de uma falta, o jovem grita para o 
goleiro do seu time tomar cuidado, 
porque a bola poderá se comportar 
como uma onda e não como uma 

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   126   127   128   129   130   131   132   133   134


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal